close
AlimentaçãoMetabolismo

Iodo: Propriedades Essenciais para Manter a Saúde

O iodo é considerado um dos nutrientes vitais do corpo; responsável pela regulação da função da tireoide, apoia a saúde do metabolismo, prevenindo determinadas doenças crônicas como o câncer.

A deficiência em iodo ou transtornos de deficiência de iodo, pode causar o distúrbio da tireoide.

Nesse artigo apresentarei a importância dos alimentos ricos em iodo.

Não deixe de ler e compartilhar!

img-org-site-diego

Iodo

Iodo e a Importância para a Sáude. Imagem: (Divulgação)

A seguir confira os principais motivos para você inserir os alimentos ricos em iodo, na sua alimentação de verdade.

A tireoide é uma das principais glândulas do corpo responsável pelo equilíbrio de hormônios; e a interrupção das funções da tireoide, é causada parcialmente por uma dieta baixa em alimentos ricos nesse nutriente.

A deficiência desse nutriente pode criar reações tão negativas quanto a fadiga, ganho ou perda de peso excessivo, desequilíbrios hormonais, mudanças de humor e muito mais.

img-org-site-glcdiego

1. Saúde da tireoide

A tireoide precisa ter acesso à níveis equilibrados de iodo no organismo, para produzir hormônios-chave, incluindo a tiroxina.

Os hormônios tireoidianos regulam muitas reações bioquímicas importantes todos os dias – alguns dos mais significativos incluem a síntese de aminoácidos de proteínas, atividade enzimática digestiva, desenvolvimento adequado do sistema esquelético e do sistema nervoso central.

A função tireoidiana saudável e normal, é regulada principalmente por hormônios estimulantes da tireoide (TSH), também conhecidos como tirotropina.

Este hormônio é secretado pela glândula pituitária, e trabalha para controlar a produção e secreção de hormônio da tireoide em todo o corpo; isso protege o organismo do hipotireoidismo e do hipertireoidismo (produção excessiva ou muito pequena de hormônios tireoidianos).

A secreção de TSH aumenta a absorção de iodo na tireoide e estimula a síntese e liberação de hormônios T3 e T4; portanto, na ausência de iodo os níveis de TSH permanecem perigosamente elevados. (1)

Quando os distúrbios da tireoide ocorrem, os sintomas podem variar em: metabolismo lento, complicações cardíacas, mudanças no apetite, alteração na temperatura corporal, alterações na sede e transpiração, flutuações de peso e mudanças de humor.

img-org-site-diego

2. Ajuda a prevenir câncer

O iodo melhora a imunidade e ajuda a induzir apoptose – a autodestruição de células cancerosas perigosas.

Enquanto o iodo pode ajudar a destruir células cancerosas em mutação, não destrói células saudáveis ​​no processo.

Por exemplo, a evidência mostra a capacidade das algas ricas em iodo, para inibir o desenvolvimento do tumor mamário.

Em países como o Japão onde consomem grandes quantidades de alimentos ricos em iodo, é possível perceber a taxa relativamente baixa de câncer de mama (3)

3. Crescimento saudável

Pesquisas mostram que uma deficiência desse nutriente durante a gravidez e a infância, podem perturbar o crescimento saudável e o desenvolvimento do cérebro.

Os bebês com deficiência desse nutriente são mais suscetíveis à mortalidade e a problemas neurodegenerativos; como o cretinismo, baixa taxa de crescimento, problemas de função motora e dificuldades de aprendizagem. (2)

Muitos especialistas em saúde, agora incentivam as mulheres a aumentarem a ingestão de alimentos ricos em iodo, considerando as deficiências comuns.

4. Função Cerebral Saudável

Ele ajuda no desenvolvimento saudável do cérebro, manter habilidades cognitivas contínuas; já a deficiência dele é uma das causas mais comuns de transtornos mentais no mundo. (4)

img-org-site-glcdiego

5. Preserva a saúde da pele

Um sinal comum de deficiência de iodo é a pele seca, áspera e irritada que se torna escamosa e inflamada.

Ele ajuda a regular a transpiração, para que as pessoas possam experimentar mudanças em quanto suor se seus níveis de iodo se tornam desequilibrados.

Mas, é preciso atenção. O excesso desse nutriente pode prejudicar a saúde, por aumentar as chances de deficiência de ferro.

Converse com o seu médico para saber qual é a quantidade correta desse nutriente que você precisa consumir.

E se o seu objetivo é melhorar a saúde, prevenir doenças e ter mais qualidade de vida através da alimentação natural e adequada, eu tenho uma novidade!

Eu desenvolvi um e-book feito especialmente para ajudar você a fazer essa transformação; com todas as informações que você precisa e um guia passo a passo para implementar.

Você ainda vai ter acesso aos Bônus Exclusivos!!

Quer saber como conseguir? Então clique na imagem abaixo e adquira agora o meu livro:

VIVA MELHOR SEM GLÚTEN V.20

Ebook Viva Sem Glúten, Dr. Juliano Pimentel

Abraços e fique com Deus!
Dr. Juliano Pimentel

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentos ricos em iodoapoptoseatividade enzimática digestivacâncer de mamadeficiência de iododesintoxicaçãodistúrbio da tireoidedoença de Hashimotodoenças crônicasdr. juliano pimentelflutuações de pesoglândula pituitáriahipertireoidismohipotireoidismohormônios tireoidianosimunidadeiodonutrientes vitaispele secaperda de pesoperda de peso excessivosaúdesistema nervoso centraltirotropinatiroxinatranstornos de deficiência de iodoTSH

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta