close
Alimentação

Meu filho não quer comer, o que fazer?

Uma das queixas que eu mais escuto de mães é: Dr. meu filho não quer comer, o que eu faço?

É obvio que cada caso é um caso, cada casa é uma casa e cada família é uma família.

Porém, o que eu observo é que as crianças não estão comendo salada, legumes, arroz e feijão, é porque elas estão cheias de balas, cheias de doces, cheias de industrializados.

Às vezes estão até com fome, porém, preferem o alimento cheio de açúcar, corantes artificias,  lactose, glúten, gorduras e conservantes.

E a pergunta que deve ser feita é: Como essas crianças sabem da existência desses produtos?

É claro que pode ser através da televisão ou do colequinha de escola, porém, em muitos casos é porque os pais já deram esses alimentos para a criança.

A criança não sabe o mal que os alimentos industrializados fazem, então é claro que elas preferem o mais doce, colorido e divertido.

O que fazer?

Listei alguns tópicos que serão úteis para você.

Criança precisa ser cuidada

As crianças não têm discernimento para escolher o que deve comer. O alimento é a nossa principal fonte de energia e vida, então precisa ser bem escolhido.

A criança por mais que ela deseje algo, é você pai e mãe quem tem que decidir o que será consumido.

Meu filho não quer comer o que fazer?

Criança não tem dinheiro, são os pais que colocam a comida em casa. Se você não quer que seu filho não beba refrigerante, não compre.

Se você quer que seu filho coma fruta, compre, mostre, conte uma história sobre as frutas, apresente de maneira diferente.

Faz parte da criação de um filho a educação alimentar. Você é o adulto, comporte-se como um.

 

Você é exemplo

Se você quer que sua criança coma brócolis, você precisa comer. Se você quer que sua criança não coma doce, adivinha? Você precisa evitar.

As crianças aprendem com mais facilidade com exemplo. Você e todos da casa são exemplo para a criança.

Então, tenha bons hábitos alimentares e a criança repetirá estes hábitos.

E mesmo comendo bem na frente da criança, ainda assim ele não come, leia o próximo capítulo.

Meu filho não quer comer e agora?

Acredite, sua criança não está com fome!

Se chegou o horário do almoço, você preparou um prato cheio de vitaminas, colorido e a criança não comeu, seu filho não come porque está cheio.

Criança com fome, chora, reclama, faz birra. Se sua criança está bem, ela não está com fome!

Pare, reflita o que a criança comeu pela manhã.

Qual foi o horário da mamadeira? O que ela comeu depois disso? Bolacha, fruta, suco, bala?

Alguma coisa essa criança comeu.

É válido falar também, que criança é gente! Rs

Estou dizendo isso, porque nós mesmos, às vezes estamos sem fome, às vezes estamos enjoados de determinado alimento, às vezes não queremos comer.

As crianças também são assim.

Então, vale observar a frequência que a criança não come, os horários, se aconteceu alguma coisa que a deixou nervosa, irritada ou triste.

Às vezes vocês almoçam em determinado horário e a criança sente fome mais tarde, por exemplo.

Se a frase “meu filho não come” está sempre presente em sua boca, observe a rotina da criança e da casa. Você vai encontrar a solução.

Então, vamos às dicas práticas.

1 – Retire da sua casa tudo de doce

Bala, chiclete, bolacha, refrigerante, sucos industrializados, salgadinhos, chips, tudo que seu filho me durante o dia.

Primeiro porque este tipo de alimento é péssimo para criança e adultos (1, 2, 3).

Segundo porque causam dependência. Terceiro porque estes alimentos podem estar distraindo a criança das refeições principais.

2 – Crie o hábito das refeições principais

Monte a mesa, faça o prato da criança e coloque para ela. Mesmo que a criança não queira, mantenha na mesa.

Desligue qualquer distração como TV, celular ou tablet (4).

Colocar a criança na mesa, diante da comida, durante o período da refeição é importante para que ela associe a alimentação ao horário e crie um hábito.

3 – Apresente os alimentos

Quando o alimento não tem uma embalagem colorida, chamativa, nem personagens é preciso um esforço maior para que a criança tenha interesse (5).

Ah, meu filho não come verdura. Você já apresentou verdura para ele? Já contou uma história, falou dos benefícios, já mostrou uma horta, já apresentou as folhas de maneiras diferentes, inteiras, picadas, rasgadas, enroladas?

           

A apresentação dos alimentos é uma maneira de criar uma fantasia na mente da criança e estimulá-la a conhecer e explorar o alimento.

Mesmo que a criança não aceite o alimento logo de cara, ofereça e apresente sempre.

4 – Deixe a criança ser parte

Devido a correria diária, geralmente a criança recebe o prato pronto não sabe o que está ali nem como foi preparado.

Chame a criança para participar do processo. Nem que seja, lavar a fruta ou a verdura. Se for difícil fazer isso no dia, convide a criança para preparar o almoço ou o lanche na noite anterior.

Já prepare a criança, mostrando qual será a refeição do dia seguinte, coloque um pouco de curiosidade em relação ao alimento.

5 – Seja exemplo

Você come verdura, legume e fruta? E aqui vale não apenas na frente da criança, mas no seu dia a dia.

Se você come doce como sobremesa como oferecer fruta para a criança?

É claro, que é algo que exige tempo, afinal, se você foi ensinado a comer doce como sobremesa, é preciso primeiro quebrar esse hábito.

No geral, se esforce para comer o que você deseja que sua criança coma.

Uma dica simples e muito útil para que você consiga se livrar desses hábitos ruins de alimentação e ser um bom exemplo para seus filhos, é: FAÇA DETOX.

A desintoxicação nada mais é que a eliminação de hábitos ruins, que não te acrescentam em nada e a inserção de costumes e praticas mais saudáveis.

Se você não sabe por onde começar, clique na imagem abaixo.

Desenvolvi um programa detox de 7 dias com o objetivo de ajudar você a se livrar de tudo que está prejudicando a sua saúde e da sua família.

Fazendo o programa você emagrece, mas principalmente desenvolve hábitos para manter a sua saúde e energia com o melhor potencial.

Coloque as dicas em prática e comente aqui o que você faz quando seu filho não quer comer!

Abraços e fique com Deus.

Dr. Juliano Pimentel

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : açúcaralimentaçãoalimentação das criançasalimentação infantilansiedadecarboidratoscomercriançadiabetesdr. juliano pimentelestressefrutaslegumesmeu filho não quer comerrefrigeranteverduras

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

1 Comentário

Enviar Resposta