close
Alimentação

Ovo Caipira e os Seus Benefícios para a Saúde

Dr Juliano Pimentel

O ovo caipira possui diversos benefícios importantes para a saúde, que poucas pessoas conhecem. Como um grande alimento rico em proteína (com um perfil de aminoácidos completo).

Eles são uma fonte de alta qualidade de proteína. A Organização Mundial da Saúde inclusive usa o ovo caipira, como padrão para avaliar a qualidade da proteína em outros alimentos (1).

Neste artigo apresentarei alguns dos benefícios do ovo caipira para a sua saúde.

Não deixe de ler e compartilhar!

Ovo Caipira

Eles ajudam a reduzir o risco de uma lista de doenças, protegem a saúde da pele e dos olhos, melhoram a função do fígado e do cérebro.

1- Reduz o risco de doença cardíaca

Ovos podem ajudar a manter seu coração batendo mais saudável e por mais tempo.

Um dos benefícios de saúde mais mencionados dos ovos caipiras é a sua capacidade de reduzir o risco de doença cardíaca e melhorar a função cardiovascular.

Eles são uma opção de alimentos saudáveis para o coração é devido à presença de ácidos graxos omega-3.

Ovos de gaiola livre (extraídos de galinhas criadas em pastagem, em vez de em gaiolas em bateria) têm o dobro da quantidade de omega-3 do que os ovos criados em gaiola.

Ácidos graxos omega-3, consumidos como parte de uma dieta saudável, pode diminuir os triglicérides no sangue e ajudar a regular e reduzir o mau colesterol (2).

Triglicérides elevados são considerados um fator de risco grave para doenças cardiovasculares. Baixos níveis de triglicerídeos no sangue são igual a um menor risco de desenvolver doença cardíaca. (3)

Além de reduzir os triglicerídeos no sangue, esses ovos ajudam a regular a absorção de colesterol e a evitar a inflamação na corrente sanguínea, equilibrando a proporção de lipoproteínas de alta densidade (HDLs) para lipoproteínas de baixa densidade (LDLs).

Isso também ajuda a diminuir o risco de doença cardíaca coronariana. (4)

2- Melhora a saúde ocular

Carotenóides não são apenas benéficos para a saúde global e prevenção de doenças. Eles também beneficiam a sua saúde ocular. Dois carotenóides “oxigenados” que são especialmente importantes para os seus olhos são luteína e zeaxantina (5).

Eles funcionam na manutenção da saúde ocular, filtrando os perigosos espectros de luz azul de alta energia e agindo como antioxidantes e anti-inflamatórios (6).

A filtragem de luz  que luteína e zeaxantina executam em seus olhos reduz as chances de você desenvolver muitas doenças oculares comuns, como degeneração macular e glaucoma (7).

Tudo que você tem a fazer é alimentar o seu corpo com os alimentos que fazem esse processo acontecer, como ovos caipira.

3- Ajuda na perda de peso

Os ovos são um alimento importante para as pessoas que querem perder o excesso de peso.

Embora a luteína seja famosa principalmente por seu papel na saúde dos olhos e da pele, um estudo recente determinou que a luteína também pode impactar positivamente o nível de atividade física (8).

Acrescente a isso ao fato de que seu alto teor de proteína aumenta a saciedade, um dos benefícios para a saúde e para ajudar o processo de perda de peso.

Os ovos caipiras são uma grande adição à sua dieta. Você ficará mais satisfeito por mais tempo (9).

4- Mantém a função hepática e a saúde do cérebro

A colina é um macronutriente que nossos corpos produzem em quantidades muito pequenas, mas nós precisamos obtê-lo através da alimentação.

Eles são uma escolha de alimentos ricos em colina, o que significa que eles ajudam muito na função hepática e no desenvolvimento cerebral, entre outras características.

O fígado depende da colina para funcionar corretamente.

Baixos níveis de colina estão correlacionados com doença hepática gordurosa, e há pesquisas que indicam que a deficiência de colina também está ligada a alguns tipos de cânceres (10).

Em quantidades adequadas, a colina presente em ovo caipira também foi encontrada para tratar algumas questões neurológicas, como a depressão, e melhorar a memória e a função cognitiva (11).

5- Mantém a pele saudável

A luteína e zeaxantina nos ovos caipiras não apenas protegem seus olhos, filtrando certos comprimentos de onda de luz, elas fazem o mesmo com a sua pele.

Estes carotenóides abrandam o dano oxidativo que os raios UV podem causar em sua pele (12).

Alguns estudos mostram que os ovos de galinha caipira possuem mais vitamina A do que os de granja.

As galinhas caipiras não recebem ração, então os ovos contém menos produtos químicos, nestes casos são portanto mais saudáveis do que ovos comuns.

De qualquer forma, os ovos são superalimentos que devem fazer parte da sua alimentação de verdade.

E para ajudar você que se preocupa com uma alimentação saudável, que ajude a prevenir doenças e low carb, para você e para a sua família, eu convido você a adquirir o e-book da minha esposa, Carol Pimentel.

O livro digital contém mais de 70 receitas deliciosas e low carb, desenvolvido para quem deseja ter uma alimentação extremamente saudável focada em eliminar o sobrepeso, evitar problemas de saúde e reverter os danos causados pela má alimentação passada.

Neste livro você vai aprender as melhores receitas de doces e salgados, sem medo de engordar.

Receitas simples e fáceis de preparar, e o melhor de tudo: Super acessíveis!

Clique na imagem abaixo e adquira agora o seu livro digital.

GOSTOSURAS LOW CARB

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

BAIXE AGORA O MEU EBOOK SOBRE A DIETA DUKAN E CONHEÇA TODAS AS VERDADES SOBRE ELA!!!

[/vc_column_text]

[/vc_column][/vc_row]

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:

Você pode Gostar

Tags : ácidos graxos ômega-3alimentaçãoalimentos ricos em colinadeficiência de colinadepressãodestaquedietadoença hepática gordurosadr. juliano pimentelfunção hepáticaluteínamelhorar a memóriaovoovo caipiraperda de pesoReduz o risco de doença cardíacaReduzir o mau colesterolsaciedadesaúdesaúde do cérebrozeaxantina

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta