close
Alimentação

Principais Alimentos Afrodisíacos

Dr. Juliano Pimentel

A maioria dos casais, em algum momento de seus relacionamentos, lidará com problemas no quarto. Claro, libido baixa e impotência podem colocar uma pressão sobre o sexo e sua relação. Mas antes de recorrer a medicamentos prescritos, no entanto, você pode fazer uso também dos alimentos afrodisíacos.

Acredite ou não, alguns desses alimentos afrodisíacos podem aumentar a libido e ajudar a superar a impotência, e todos eles podem ter um efeito positivo na excitação, desejo e muito mais.

Por isso, neste artigo, eu irei apresentar alguns alimentos afrodisíacos para aprimorar seu relacionamento nesse mês dos namorados.

Não deixe de ler e compartilhar.

O que é afrodisíaco?

Nomeado após Afrodite, a deusa grega do amor, da beleza e da fertilidade, o termo “afrodisíaco” é bastante amplo. A maioria de nós pensa na comida ou na pílula que nos farão sentir-se excitado.

Mas, de acordo com a US Food and Drug Administration, qualquer produto que tenha rotulagem afirmando que irá despertar ou aumentar o desejo sexual, ou que irá melhorar o desempenho sexual, é um medicamento afrodisíaco (1).

Isso mesmo, não há menção a alegações ou eficácia comprovada. Qualquer fabricante de medicamentos pode tapar em um rótulo a palavra afrodisíaco em um produto e comercializá-lo como tal. Essa é apenas uma das razões pelas quais é mais eficiente optar pelos alimentos afrodisíacos.

Alimentos afrodisíacos

Comer para que as coisas fiquem picantes no quarto não é um conceito novo. Na verdade, os alimentos afrodisíacos datam dos tempos bíblicos. Mas nem todos os alimentos com reputação quente são realmente afrodisíacos. Aqui estão os que foram cientificamente comprovados para impulsionar a atividade do quarto. Confira:

  1. Ginseng

Ambas variedades asiáticas e americanas da erva foram encontradas para aumentar a libido e o desempenho sexual (2). Uma revisão descobriu que também melhora a excitação sexual e pode ajudar a tratar a disfunção erétil. O ginseng provavelmente afeta o sistema nervoso central, alterando hormônios no processo.

Desfrute do ginseng na sua forma natural com chá. Use a raiz nova ou seca.

  1. Açafrão

O açafrão é uma boa opção para um alimento afrodisíaco. O antigo tempero pode realmente ajudar a melhorar a disfunção sexual. Um estudo inclusive analisou o efeito do açafrão em mulheres diagnosticadas com depressão (3).

As mulheres que receberam açafrão, e não um placebo, no estudo duplo-cego, apresentaram melhorias significativamente maiores em seu “Índice de Função Sexual Feminina”, que foi usado para avaliar a função sexual. Quando comparados com o grupo placebo, eles também obtiveram pontuações maiores quando se tratava de excitação e lubrificação.

O estudo também descobriu que afeta positivamente os homens com disfunção erétil, de modo que ambos os sexos podem colher os benefícios deste poderoso tempero (4).

Por causa do sabor forte do açafrão, você não precisa usar muito ao mesmo tempo. É delicioso quando adicionado a pratos de arroz, galinhada, legumes e carnes.

  1. Maca

Este vegetal de raiz poderia ser a chave para melhorar sua vida sexual. A raiz da Maca inicialmente foi usada na América do Sul para aumentar a fertilidade, mas eventualmente veio a ser usada como estimulante do sexo também, e por uma boa razão. Um estudo realizado na Coréia do Sul descobriu que a disfunção sexual diminuiu nos homens quando se usava maca, enquanto o desejo sexual aumentava em homens e mulheres. (5). Maca também melhorou a disfunção erétil entre os homens significativamente.

Nas mulheres, a maca tem sido conhecida por ajudar com o equilíbrio hormonal durante a TPM e a menopausa, o que pode ajudar com os efeitos colaterais de ambas as condições. Esses efeitos colaterais geralmente incluem a falta de interesse em sexo. Também tem sido associado ao aumento do humor das mulheres na menopausa e à redução dos níveis de ansiedade e depressão, o que pode levar a um aumento do desejo sexual (6). Com um sabor semelhante à canela ou noz-moscada, a maca é ótima como tempero.

  1. Chocolate

O chocolate aumenta seus hormônios sensatos. A fenetilamina, o estimulante que é lançado em nossos cérebros quando nos apaixonamos (também conhecido como “droga do amor”), e o triptofano, que ajuda a produzir serotonina, é encontrado no chocolate. Comer mais chocolate pode ajudá-lo a se sentir um pouco mais amoroso com seu parceiro, o que pode se traduzir em algum tempo de qualidade.

Um estudo publicado no Journal of Sexual Medicine encontrou uma correlação entre o consumo de chocolate e um maior índice do Índice de Função Sexual Feminina,  os pesquisadores concluíram que as mulheres que relatam o consumo de chocolate têm pontuações FSFI mais altas do que as mulheres que não comem chocolate (7).

Ao escolher chocolate, opte por um chocolate amargo minimamente processado e que tenha pelo menos 70% de cacau. Chocolate amargo tem uma série de benefícios para a saúde e antioxidantes que simplesmente não se traduzem em chocolate com leite. Desfrute de um pedaço de chocolate ou sirva esses cachos de coco de chocolate escuro para a sobremesa.

Outros alimentos afrodisíacos são (8):

– Canela;

– Gingko biloba;

– Abacate;

– Amendoim;

– Amêndoas ;

– Morangos;

– Alho;

– Manjericão;

– Noz-Moscada;

– Alecrim;

– Pimenta Vermelha;

– Gengibre;

– Aspargos.

Outra dica importante para esse mês dos namorados, é evitar o álcool. O álcool pode ajudá-lo a se sentir mais à vontade e remover inibições, o que pode tornar mais fácil sentir-se sexualmente excitado. Infelizmente, muitas vezes é onde a diversão termina, porque beber muito álcool pode dificultar o seu corpo para responder sexualmente. É por isso que os homens geralmente têm problemas para se manterem eretos depois de beber demais.

 

Quer mais dicas para cuidar do seu relacionamento? Quem comprar o meu livro “Viva melhor sem glúten” este mês ganha bônus exclusivos dos dia dos namorados e ainda participa de um sorteio para uma conversa de 2 horas comigo e com a Carol!

Faça parte da família VSG, clique na imagem abaixo:

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

BAIXE AGORA O MEU GUIA COM OS
10 MELHORES CHÁS PARA EMAGRECER!
O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentaçãoalimentos afrodisíacosdestaquedr. juliano pimentelmês dos namoradossaúde

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta