close
Alimentação

Vitaminas – Qual é a Importância para o seu Corpo

Embora seja possível obter todas as vitaminas e minerais que você precisa, através de uma dieta rica em nutrientes, muitas pessoas ainda sofrem com pelo menos um tipo de deficiência de nutrientes, se não mais.

Existem 13 vitaminas principais que todas as pessoas precisam consumir para manter a saúde, prevenir doenças e manter uma qualidade de vida equilibrada. Acredita-se que cerca de 30% de todas as pessoas sejam deficientes em uma ou mais dessas vitaminas e minerais; e para muitas mulheres o risco só aumenta com a idade.

Essas deficiências podem ocorrer porque as pessoas desconhecem a importância das vitaminas para a sua saúde, e os motivos pelos quais elas são necessárias para o funcionamento do organismo.

Além disso, muitas pessoas dão preferência para os alimentos industrializados e excluem aqueles que realmente podem ajudar do corpo de dentro para fora.

Nesse artigo vou trazer qual é a importância das vitaminas para a sua saúde.
Não deixe de ler e compartilhar!

Importância das Vitaminas

Vitaminas

A seguir vou mostrar qual é a importância das vitaminas para a sua saúde, e como você pode obtê-las.

Confira:

1- Vitaminas antioxidantes (vitaminas A, C e E)
Esses antioxidantes lipossolúveis combatem os danos dos radicais livres, que são a causa subjacente do envelhecimento e de muitas doenças que afetam o coração, os olhos, a pele e o cérebro.

A vitamina C não só melhora a imunidade contra resfriados, infecções e outras doenças, mas também é importante para proteger sua visão e pele de danos causados ​​por coisas como luz UV e poluição ambiental.

Certifique-se de consumir uma abundância de alimentos com vitamina C. A vitamina A e E funcionam de maneiras semelhantes para proteger células saudáveis ​​e interromper as mutações celulares, além de possuírem outros benefícios.

Pesquisas realizadas pelo Instituto Nacional do Olho mostram que uma dieta baixa nessas vitaminas, é um importante fator de risco para a degeneração macular relacionada à idade, e as cataratas nas mulheres mais velhas, e tanto a vitamina A como a E também são conhecidas por ajudar a proteger a pele dos sinais de envelhecimento e câncer de pele.

Outros benefícios da vitamina E incluem seu papel de manter o bom funcionamento de muitos órgãos, atividades enzimáticas e processos neurológicos.

Os benefícios de consumir mais alimentos ricos em vitamina E podem incluir tratar e prevenir doenças do coração e dos vasos sanguíneos, tais como dores no peito, pressão arterial elevada e artérias bloqueadas ou endurecidas. A vitamina E é encontrada apenas em alimentos vegetais, incluindo certos óleos, nozes, grãos e frutas.

2- Vitamina D

A vitamina D pode ser obtida de certos alimentos como ovos, alguns produtos lácteos e certos cogumelos, mas obtemos a maioria esmagadora de nossa vitamina D da exposição ao sol.

Homens e mulheres estão em alto risco para deficiências de vitamina D, já que mais pessoas gastam uma grande maioria de seu tempo dentro dos dias de hoje ou usam protetor solar com diligência quando ao ar livre.

Escala de estimativas, mas algumas pesquisas mostram que até 75% a 90% dos adultos nos EUA podem ser deficientes!

A vitamina D é importante para a saúde óssea, funções cerebrais, prevenção de distúrbios de humor e equilíbrio hormonal, uma vez que atua de forma muito semelhante a um hormônio, uma vez dentro do corpo.

Sua melhor aposta para garantir que você obtenha o suficiente é gastar 15 a 20 minutos fora da maioria dos dias da semana sem protetor solar, o que permite sintetizar a vitamina D quando entrar em contato com sua pele. (2)

3- Vitamina K
A vitamina K é importante para a construção e manutenção de ossos fortes, coagulação sanguínea e prevenção de doenças cardíacas.

Estudos mostraram que os indivíduos que aumentam a ingestão de vitamina K na dieta, apresentam menor risco de mortalidade cardiovascular.

É provável que você esteja com os baixos níveis de vitamina K, se estiver tomando antibióticos por um longo período de tempo, sofre de problemas intestinais, como IBS ou doença inflamatória intestinal, ou se você toma medicamentos para reduzir o colesterol.

Existem dois tipos principais de vitamina K, que nós adquirimos através da alimentação. A vitamina K1 é encontrada em vegetais, enquanto a vitamina K2 é encontrada em alimentos como: carne de boi, aves, ovos, manteiga, (2,3) fígado de frango,

A melhor maneira de prevenir a deficiência de vitamina K é comer abundância de vegetais diferentes, incluindo vegetais de folhas verdes, brócolis, repolho, peixe e ovos.

3- Vitaminas B, incluindo Folato

As vitaminas B, incluindo vitamina B12 e folato, são importantes para o metabolismo, evitando a fadiga e aumentando as funções cognitivas.

Eles ajudam com os processos celulares, o crescimento e o gasto de energia celular, porque eles trabalham com outras vitaminas como o ferro para fazer glóbulos vermelhos e ajudam a transformar as calorias que você come em combustível utilizável.

Folato (que se chama ácido fólico quando é criado sinteticamente) é fundamental para uma
gravidez saudável, desenvolvimento de fetos e prevenção de defeitos congênitos, uma vez que
ajuda a construir o cérebro e a medula espinhal do bebê.

É por isso que a deficiência de folato é extremamente perigosa para as mulheres grávidas.

A vitamina B1, que também é referida como tiamina, é uma coenzima usada pelo organismo
para metabolizar alimentos para energia e para manter a função cardíaca e nervosa adequada.

A tiamina é usada para digerir e extrair energia dos alimentos que você come, transformando
os nutrientes em energia para o seu corpo.

Sem níveis elevados de tiamina, as moléculas encontradas em carboidratos e proteínas (na forma de aminoácidos de cadeia ramificada) não podem ser utilizadas corretamente pelo organismo para desempenhar várias funções importantes.

Você pode obter muitas vitaminas B a partir de produtos de origem animal, como ovos, peixe, carne.

Pessoas em idade avançada, com anemia, veganos e vegetarianos devem conversar com o médico para se certificar de opções alimentares para a vitaminas B, pois correm o maior risco de deficiência.

Alimentos especialmente elevados em folato incluem espinafre e folhas verdes, aspargos, frutas cítricas e melão, por exemplo.

Mas mesmo que você consuma de vez em quando alguns alimentos naturais, isso não é bastante para garantir a boa saúde e prevenir doenças. E se você costuma comer alimentos industrializados e processados, está à um passo ver a sua saúde minguar aos poucos.

Esse é o momento de transformar a sua saúde de forma efetiva! Eu trago a revolução da saúde, um projeto que pretende mudar a cara da alimentação e da saúde no Brasil! Você, os seus filhos e toda a família merecem uma transformação na saúde que realmente seja eficaz!

Pensando nisso é que eu desenvolvi um e-book para ajudar você a fazer essa transformação, com todas as informações que você precisa e um guia passo a passo para implementar.
Você ainda terá acesso aos Bônus Exclusivos!!

Quer saber como conseguir? Então clique na imagem abaixo e adquira agora o meu livro digital:

VIVA MELHOR SEM GLÚTEN V 2.0

Ebook Viva Sem Glúten, Dr. Juliano Pimentel

Abraços e fique com Deus!
Dr. Juliano Pimentel

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : antioxidantes lipossolúveisdeficiência de folatodieta rica em nutrientesdr. juliano pimentele-bookFolatoimportância das vitaminasmineraisprevenir doençassaúdetiaminaveganosvitamina aVitamina B1vitamina B12vitamina Cvitamina dvitamina evitamina Kvitamina K1vitamina K2vitaminasvitaminas Bvitaminas C

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta