https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close
ArtigosMetabolismo

3 fatores que estão deixando seu metabolismo travado

O metabolismo travado é a  queixa de muitas pessoas que não conseguem se manter no peso desejado. 

O que elas não percebem, porém, é que seus próprios hábitos são os responsáveis por deixar o metabolismo mais lento. 

Seu metabolismo é como seu corpo transforma calorias em energia e todos os processos químicos como respirar, reparar células e digerir alimentos, por exemplo, dependem dessa energia.

Quando seu metabolismo está lento, todas essas funções ficam prejudicadas. Ou seja, é um sinal de alerta de que algo não está bom.

Vários podem ser os motivadores para o seu metabolismo travado, no entanto, vou mencionar neste artigo três deles.

1 – Doenças deixam seu metabolismo travado

Tanto diabetes quanto hipotiroidismo deixam seu metabolismo travado. Imagem: (Divulgação)

Duas condições principais podem contribuir para seu metabolismo travado, e por sinal, são muito comuns. 

Diabetes e hipotiroidismo são doenças que se não tratadas e revertidas desencadeiam uma série de problemas de saúde, a começar pelo metabolismo mais lento.

O hipotiroidismo se refere a baixa quantidade de hormônio T4. Esse hormônio é a forma ativa responsável pelo funcionamento da glândula tireoide. Neste artigo falo mais sobre como o T4 é importante e o que prejudica a formação dele.

Fato é que, quando se tem hipotiroidismo, tudo em seu organismo fica mais lento. Dessa maneira você retém mais líquido, elimina menos toxinas e seu corpo fica cada vez mais inflamado.

A glicose é a principal responsável pela formação de energia nas células,no entanto, quando há o descontrole da insulina, a geração de energia fica comprometida. O resultado é um metabolismo mais lento.

Além disso, a diabetes também contribui para baixos níveis metabólicos. Afinal, níveis elevados de insulina transforma a glicose remanescente em gordura corporal saturada. Ou seja, aquela que fica acumulada nas vísceras inflamando os órgãos.

2 – Alimentação errada atrapalha o metabolismo

Há quem diga que é preciso comer de três em três horas para ativar o metabolismo. Não caia nessa!

Afinal, o que influencia na função metabólica não é o horário das refeições e sim a qualidade, a quantidade e a combinação nutricional do que você come.

Imagine que você acordou e comeu um pão. Dentro do pão tinha mortadela e você tomou um copo de suco de laranja. Essa combinação vai resultar em um pico de glicose no sangue abissal que vai ativar a insulina.

Daqui duas ou três horas você come uma banana e um iogurte. Buuum! Nem deu tempo do seu corpo consumir a glicose do café da manhã e já está recebendo mais carboidrato e gordura.

Esse ciclo de alimentação sem parar prejudica seu organismo, a produção de insulina fica insana, não dá tempo do corpo queimar a gordura acumulada e o metabolismo fica cada vez mais lento.

Comer pouco e de maneira inteligente faz com que seu corpo queime as reservas. É esse processo que ativa o metabolismo.

Deixe de lado alimentos vazios como a base de trigo e arroz. Aliás, evite industrializados, açucarados e embutidos.

Por fim, faça refeições ricas em gorduras boas, fibras, carboidratos complexos, vitaminas e minerais. Ah, lembre-se de beber água. 

3 – Falta de sono deixa o metabolismo lento

Dormir Pouco Engorda deixa seu metabolismo travado. Imagem: (Divulgação)

A restrição do sono a longo prazo aumenta o risco de obesidade, bem como diabetes. 

Estudos laboratoriais demonstraram claramente que a privação do sono pode alterar o metabolismo da glicose e os hormônios envolvidos na regulação do metabolismo, ou seja, diminuição dos níveis de leptina e aumento dos níveis de grelina (1).

A grelina tem efeitos que deixam as pessoas com mais fome, e geralmente o que se come é carboidrato e gorduras saturadas.

Além disso,  a perda de sono pode alterar um processo chamado metilação do DNA de uma forma específica do tecido, de modo que as células aumentam sua tendência de absorver gorduras e aumentam em número.

Como destravar o metabolismo?

Primeiramente, você precisa cuidar da tireoide e diabetes, basear a alimentação em uma dieta saudável e dormir bem.

No entanto, outros fatores podem contribuir para um impulsionamento do metabolismo.

Vitamina D

A vitamina D é excelente para a saúde óssea e o bom humor, mas pesquisas mostraram que ela também pode desempenhar um papel no metabolismo e na mudança de peso.

Um estudo revelou que quando mulheres com deficiência de vitamina D elevaram seus níveis sanguíneos de vitamina D aos níveis recomendados, o metabolismo melhora e elas perderam mais peso (2).

Aumente seus músculos

Mais massa muscular em seu corpo se traduz em mais calorias queimadas, mesmo em repouso (3).

Isso porque, simplesmente em repouso, cada quilo de músculo em seu corpo gasta cerca de seis calorias por dia. Por outro lado, meio quilo de gordura produz cerca de duas calorias.

Ou seja, é preciso ter mais músculo e a maneira mais eficiente de construir músculos é com treinamento de força.

Chá verde

Chás ajuda a converter parte da gordura armazenada em seu corpo em ácidos graxos livres, o que pode aumentar a queima de gordura em 10-17% (4).

Como são pobres em calorias, beber esses chás pode ser bom tanto para a perda de peso quanto para a manutenção do peso.

Suas propriedades de aumento do metabolismo podem ajudar a prevenir o temido platô de perda de peso que ocorre devido a uma diminuição no metabolismo.

Por fim, confira mais sobre esse assunto no vídeo!

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

 

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : metabolismometabolismo lentometabolismo travado.

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta

7 saúdes com Dr. Juliano Pimentel