close

A idade adulta é superestimada! Muitas pessoas expressam essa afirmação por frustração, e isso não é surpreendente, por isso a importância do autocuidado.

Ser adulto às vezes vem com responsabilidades esmagadoras. Existem metas a serem cumpridas no trabalho e muito trabalho a ser feito em casa. Quando você considera atividades sociais e outros compromissos, aproveita a oportunidade de trocar de lugar com o bebê que não tem com o que se preocupar.

No entanto, todos sabemos que isso é quase impossível. A única maneira de estar em paz consigo mesmo é abraçar as inúmeras responsabilidades e levar algum tempo para se concentrar no essencial: isso inclui autocuidado.

Mas, afinal o que é o autocuidado?

O autocuidado é um termo geral que descreve tudo o que você faz deliberadamente para o seu bem-estar mental, físico e emocional.

Por mais simples que pareça, muitos de nós prestam pouca atenção ao autocuidado. É por isso que ‘deliberadamente’ é uma das palavras mais importantes na definição. Você precisa estar consciente do seu bem-estar antes de conseguir o verdadeiro autocuidado.

Autocuidado é decidir fazer o que te faz bem!

Começa com atos simples, como não verificar e-mails à noite, quando você sabe que isso afeta seu sono, e se estende a decisões mais importantes, como sair de férias ou reservar uma massagem, quando achar necessário.

Qual a importância do autocuidado?

O autocuidado incentiva você a manter um relacionamento saudável consigo mesmo, para que possa transmitir os bons sentimentos aos outros. Você não pode dar aos outros o que você não tem.

Embora alguns possam interpretar mal o autocuidado como egoísta, está longe disso. Quando você presta atenção adequada ao seu bem-estar, não está considerando apenas suas necessidades.

Assim, você está se revigorando para poder ser a melhor versão de si mesmo para as pessoas ao seu redor e todos ao seu redor também se beneficiam da energia renovada e da alegria que você exibe.

Aqui estão algumas dicas de autocuidado para melhorar seu bem estar! 🙂

1. Preste atenção à sua saúde física

A saúde física é uma parte essencial do autocuidado, afinal, o corpo e a mente têm uma conexão única, e é difícil estar de bom humor quando você não está se sentindo bem com seu corpo.

A pesquisa mostrou que o exercício regular aumenta o nível de serotonina em nosso corpo, melhorando significativamente o humor e a energia.

Ao se exercitar para o autocuidado, você deve escolher uma atividade que ama. Pode ser uma corrida regular, caminhada rápida, natação ou qualquer outra coisa que faça você se sentir vivo. Você obtém satisfação extra ao fazer o que ama e é o amor que incentiva a persistência, mesmo quando parece que você não tem tempo para isso.

2. Durma o suficiente

Muitas pessoas são privadas de sono, e isso afeta a nossa saúde física e mental, parece que fizemos a máxima “trabalho duro paga” muito a sério. 

Agora gastamos muito tempo trabalhando e muito pouco tempo dormindo. Os cientistas do sono recomendam que os adultos precisem de pelo menos 6-8 horas de sono todas as noites. 

Ou seja, seu corpo precisa de tempo para descansar e renovar. Sendo assim, os cochilos diurnos também são excelentes para refrescar o corpo e melhorar os níveis de concentração.

3. Comer saudável faz parte do autocuidado

Sua dieta é uma parte importante do autocuidado e é um aspecto sobre o qual você deve se preocupar. Quando você pergunta às pessoas sobre os alimentos que as fazem se sentir bem, você obtém respostas como um bife suculento, montes de lasanha ou cupcakes extremamente deliciosos. 

No entanto, entregar-se constantemente a essas iguarias NÃO é autocuidado. Pois, os alimentos saudáveis ​​e nutritivos são um dos melhores presentes da natureza para nós. Por isso, crie o hábito de consumir bons alimentos que constroem seu corpo.

4. Identifique as coisas que são importantes para você

Isso pode parecer fácil, mas pode ser um desafio para a prática, você precisa se fazer perguntas difíceis para identificar as coisas que mais lhe interessam.

  • Quando você não estiver mais na terra com quem você quer estar?
  • Como você quer ser lembrado quando se for?
  • Como você quer fazer a diferença no mundo?
  • A busca pela riqueza material vale os relacionamentos tensos que são deixados no caminho?

Suas respostas a essas perguntas devem determinar sua abordagem para viver. Por isso, passe mais tempo com aqueles com quem você gostaria de estar e viva deliberadamente a sua vida da maneira que deseja ser lembrado. Observar suas prioridades o ajudará a tomar decisões sobre como você gasta seu tempo.

5. Mude sua mentalidade / gratidão

Muitas vezes, focamos nos negativos, enquanto mostramos pouca apreciação pela beleza que está ao nosso redor. 

É o que acontece quando você tem uma separação ruim, e tudo o que você consegue lembrar é o quanto a pessoa a machucou. Nós tendemos a esquecer todas as coisas incríveis que o relacionamento nos trouxe. 

Faz parte do autocuidado se manter positivo!

Faça o contrário! Aprecie as boas lembranças e mantenha-as queridas, mesmo que as desagradáveis ​​tentem consumi-lo, mostre gratidão e apreço pelos pequenos presentes na vida. Tire um tempo para ficar quieto e meditar mais.

Tenha certeza que se você pode adotar uma atitude de gratidão, está no caminho de alcançar o mais alto nível de autocuidado.

6. Aprenda a dizer não

Muitas vezes, você diz sim a todos os pedidos para não ferir os sentimentos de outra parte. Quando você faz isso às custas de sua própria paz ou saúde, vai contra os princípios do autocuidado.

É bom perceber que você é apenas humano e não pode fazer todo mundo feliz, dizer sim a tudo predispõe a esgotar-se, e isso prejudica sua saúde física e emocional.

Viva sua vida melhor!

O autocuidado é pessoal, e nenhum princípio geral sempre funcionará. O que te motiva e inspira é diferente da pessoa ao lado. Por isso, procure as coisas que fazem você se sentir vivo; marque datas consigo mesmo e quando se comprometer a elaborar ou fazer algo por si mesmo, mantenha o compromisso que assume consigo mesmo.

Nós não desistimos de nossos amigos, não desistimos de si mesmos. Por ser saudável com relação ao autocuidado, você se sentirá melhor equipado para ajudar os outros. Vá viver sua melhor vida.

Se você tem dificuldades de fazer isso, participe do meu grupo no telegram

–> Comente o que você achou do post!

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : aliviar o estresseansiedade e estresseauto cuidadoautocontroleautocuidadoautoestimaautoestima baixacomer saudávelcontrole da ansiedadecuidar de simdestaquedr. juliano pimentelemagrecerequilíbriosaudávelsaúdesaúde espiritualsaúde mentalsistema imunológicovitamina a

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

1 Comentário

  1. Tudo e mais um pouco do que eu estava precisando ouvir.
    Já estou colocando em prática algumas coisas e pretendo fazer muito mais por mim mesma e por quem está a minha volta.
    Gratidão!

Enviar Resposta