close
AlimentaçãoArtigos

Azeite de Oliva: Propriedades Incríveis para a Saúde

Dr Juliano Pimentel

O Azeite de Oliva possui várias propriedades saudáveis para a saúde, e que auxiliam no bom desempenho do organismo. Ele previne e trata diversas doenças, e é considerado um alimento funcional, além de ser delicioso. 

Com a exceção de quem possui alergia à algum componente desse óleo, o consumo dele pode ser feito regularmente. 

Neste artigo, eu explico mais sobre as propriedades do Azeite de Oliva, e como ele beneficia o emagrecimento saudável.

Não deixe de ler e compartilhar.

Azeite de Oliva

O Azeite de Oliva é um forte aliado na caminhada por uma vida saudável.

Dentre as suas principais qualidades, estão:

  • Prevenção da arteriosclerose
  • Bom funcionamento do estômago e do pâncreas
  • Auxilia na digestão
  • Reduz o colesterol
  •  Acelera o metabolismo
  • Produz efeito protetor e tônico da epiderme
  • Serve como estimulante de crescimento
  • Melhora a absorção de cálcio e minerais (1,2):

1- Anti-inflamatório

Previne inflamação de órgãos e tecidos, e ajuda a prevenir doenças cardiovasculares.

Contribui para a redução da taxa do mau colesterol no sangue, devido às suas propriedades que impedem a oxidação do colesterol e a formação de placas de ateroma no interior das artérias.

Rico em vitamina E, e em ômega 3; um nutriente que protege a saúde do cérebro e do coração.

2- Antioxidantes

O azeite de oliva é rico em polifenóis, tocoferóis, compostos fenólicos e flavonóides que são poderosos antioxidantes; eles desempenham um papel vital na remoção de impurezas e desintoxicação do organismo, equilibrando a quantidade radicais livres

Eles previnem a oxidação das células. Dessa forma, agem com um efeito antienvelhecimento. Além disso, ele é rico em Vitamina A, que também auxilia na saúde da pele e possui propriedades antioxidantes.

3- Previne o Câncer

Devido a sua riqueza em polifenóis e tocoferóis e pelos efeitos antioxidantes; o azeite de oliva ajuda a prevenir vários tipos de câncer.

O produto também é rico em vitaminas, que auxiliam na redução da mutação de células cancerígenas, evolução de cistos, e ainda evitam que radicais livres ataquem o DNA.

4-Saúde da Pele e dos cabelos

Em relação à estética, diante de todas as propriedades apresentadas acima, o consumo do produto é capaz de regenerar e proteger a pele.

Além disso, funciona como antirrugas natural, hidrata e suaviza peles secas, purifica a pele, acalma peles irritadas, equilibra a oleosidade, melhora a elasticidade, também torna a pele mais luminosa e aumenta a vitalidade, dá brilho aos cabelos e é indicado para banhos relaxantes e massagens.

Dê sempre preferência ao azeite de oliva orgânico.

Azeite de Oliva ajuda a emagrecer?

azeite2
Azeite de oliva e Alimentação Saudável. Imagem: (Divulgação)

O azeite de oliva também é um forte aliado para quem deseja emagrecer. Ele ajuda a controlar a saciedade e previne o intestino preso, aliviando a sensação de inchaço no corpo e a constipação.

O consumo adequado melhora a absorção de nutrientes e favorece o emagrecimento (3).

Contudo, é importante lembrar que os benefícios do azeite de oliva só acontecem quando são acompanhados de uma alimentação de verdade e atividades físicas. 

Nenhum alimento sozinho faz milagres, a alimentação saudável precisa estar aliada ás atividades físicas e mudanças no estilo de vida.

Consumo do Azeite de Oliva

Lembrando que tudo em excesso faz mal ao organismo.

É recomendado consumir regularmente uma colher de sobremesa de azeite por dia, em sua forma crua.

Dessa forma, pode usado em saladas, para grelhar carnes, sendo uma gordura que aguenta altas temperaturas.

O produto mais indicado é o Azeite Extra Virgem e orgânico. Esse, é extraído através de métodos naturais e padronizado para a pureza. O azeite que é verdadeiramente extra virgem tem sabor distinto.

O consumo diário dele reduz o mau colesterol, protege o coração e as células, diminui a inflamação no corpo, reduz a pressão arterial, previne o envelhecimento precoce e doenças, como infarto, câncer e diabetes tipo 2 (4, 5).

Como comprar azeite de oliva?

Para evitar comprar azeites oxidados, escolha um produto com o vidro bem escuro, pois ele oxida com a luz. Além disso, escolhas os produtos em garrafas que ficam no fundo das prateleiras, pois estas estão menos expostas à luz. Compre com a data mais longe possível do vencimento.

Escolha um azeite puro, sem misturas com outros azeites ou óleos. Essa informação pode ser encontrada nos ingredientes no rótulo.

Certifique-se de que o azeite não é um misturado com azeite refinado ou outros óleos, podendo receber a denominação de óleo composto (6).

Porém, consumir somente o azeite de oliva e alguns alimentos naturais, não é bastante para garantir a boa saúde e prevenir doenças.

Se você costuma comer alimentos industrializados e processados, está à um passo ver a sua saúde minguar aos poucos.

É importante fazer mudanças significativas na sua alimentação e nos hábitos.

Eu desenvolvi um e-book para ajudar você a fazer essa transformação, com todas as informações que você precisa e um guia passo a passo para implementar na sua vida.

Tenha Acesso Aos Bônus Exclusivos!!

Quer saber como conseguir? Então clique na imagem abaixo e adquira agora o meu livro digital:

VIVA MELHOR SEM GLÚTEN V 2.0

Ebook Viva Sem Glúten, Dr. Juliano Pimentel

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel

BAIXE AGORA O MEU EBOOK SOBRE A DIETA DUKAN E CONHEÇA TODAS AS VERDADES SOBRE ELA!!!

[/vc_column_text]

[/vc_column][/vc_row]

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:

Você pode Gostar

Tags : alimentaçãoantirrugasarterioscleroseazeite de olivacálciocoraçãodesintoxicaçãodestaquedr. juliano pimentelemagrecermetabolismoômega-3oxidação das célulaspâncreaspolifenóisprevenir doenças cardiovascularespropriedades saudáveis para a saúderadicais livresreduz o colesterolsaúdesaúde do cérebrovitamina a

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta