https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close

A alimentação serve para nutrir o corpo, mas se você não combinar os alimentos corretamente pode correr o risco de ficar desnutrido.

Além de ser algo social e prazeroso, as refeições servem para manter nosso corpo nutrido e cheio de energia.

No entanto, se você fizer escolhas erradas dificilmente conseguirá garantir todas as vitaminas, minerais, gorduras, carboidratos e fibras necessários.

Nosso corpo é todo interligado e para que o funcionamento dele esteja 100% ou bem próximo disso, precisamos garantir tudo que ele necessita. E a alimentação é a nossa principal aliada. 

Leia até o final e confira como combinar os alimentos corretamente para conseguir uma nutrição adequada.

Por que é tão importante combinar os alimentos corretamente?

salada para Combinar os alimento
Combinar os alimentos corretamente promove mais saúde.

Tudo em nosso corpo funciona atrelado a alguma outra coisa. No entanto, se você não souber disso, você pode achar que está se alimentando bem e na verdade as vitaminas estão passando pelo seu corpo, mas não estão sendo absorvidas, porque as escolhas foram equivocadas.

Um exemplo clássico sobre o mau aproveitamento de nutrientes acontece com pessoas anêmicas por deficiência de ferro. 

Todo mundo sabe que se há deficiência de ferro é necessário aumentar a ingestão desse mineral. Então, a pessoa come fígado, beterraba, feijão, lentilha, brócolis, come tudo que ela sabe que é fonte de ferro. Mas, ainda assim, os níveis de ferro continuam baixos.

Isso acontece porque o ferro sozinho não funciona. Para ele ser melhor absorvido ele precisa estar acompanhado de vitamina C, por exemplo.

Para se ter ideia, 100 mg de vitamina C aumenta a absorção de ferro em até 67% (1). 

Por outro lado, o cálcio atrapalha totalmente a absorção do ferro. A absorção de ferro fica entre 50 a 60% menor quando o cálcio está presente. 

Por isso, é tão importante saber como combinar os alimentos corretamente.

Lipídios + Carotenoides

De maneira geral lipídios são gorduras e os carotenoides são uma classe de fito nutrientes, encontrados nas células de uma ampla variedade de plantas. Eles atuam em nosso corpo como antioxidante, serão transformados em vitamina no nosso organismo.

Sendo assim, os carotenoides também apresentam benefícios anti-inflamatórios e imunológicos e, às vezes, estão associados à prevenção de doenças cardiovasculares. Ou seja, são muito importantes para nosso corpo.

Estudos mostram que a absorção de carotenoides é muito maior quando associado a boas fontes de lipídios.

De maneira geral carotenoides são as vitaminas solúveis A, D, E e K.

As principais fontes são: cenoura, inhame, batata doce, mamão, melancia, melão, manga, espinafre, couve, tomate, pimentão e laranja 

Ou seja, são alimentos muito usados em saladas. Por isso, é excelente usar na salada boas fontes de gordura.

Não é à toa que encontramos ovos inteiros, azeite, óleo de coco, coco, abacate e castanhas nas saladas. Essas fontes de gordura melhoram a absorção dos nutrientes da salada em nosso corpo.

Afinal, os vegetais têm muitas vitaminas solúveis em gordura precisam de gordura para serem absorvidos, caso contrário só passarão pelo organismo.

Vitamina C + Ferro

Salmão com limão é uma combinação de alimentos boa para a saúde.

Já expliquei que a vitamina C é essencial para a melhor absorção de ferro pelo organismo.

As principais fontes de vitamina C estão presentes em frutas cítricas como limão, acerola, lichia, kiwi, laranja, morangos e abacaxi. Mas, você encontra essa vitamina também em goiabas, pimentas, brócolis, salsa e couve.

Já as fontes alimentares de ferro são: espinafre, peixes gordos, fígado e outros órgãos, carne vermelha, semente de abóbora, nozes, quinoa e tofu.

Sendo assim, montar uma refeição com fontes de vitamina C e ferro será uma excelente maneira de acabar com a anemia.

Vale lembrar que o uso de alimentos lácteos, por exemplo, prejudica a absorção. Por isso, evite.

Vitamina D + Magnésio e Gordura

A vitamina D tem várias funções importantes. Talvez os mais vitais sejam regular a absorção de cálcio e fósforo e facilitar o funcionamento normal do sistema imunológico.

Além da gordura, o magnésio desempenha um papel essencial na síntese e no metabolismo da vitamina D. Ou seja, vale a pena consumir em conjunto.

Atum, salmão, fígado de boi, ovo são algumas fontes de vitamina D. 

E as principais fontes de magnésio são cacau, abacate, nozes, sementes e tofu.

Se seus níveis de Vitamina D estão baixos, procure montar um prato com abacate, ovo e salmão, por exemplo.

Agora, se você deseja uma alimentação adequada para perder gordura, assista a este vídeo.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : combinar os alimentoscomo combinar alimentos

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta

7 saúdes com Dr. Juliano Pimentel