close
ArtigosMetabolismo

Conheça os benefícios da pimenta preta para a digestão

Sabores inesquecíveis e usos tradicionais de cura têm sido atribuídos à pimenta preta ao longo dos anos, um dos que mais chamam a atenção são os benefícios da pimenta preta para a digestão.

Mas o que a ciência sabe exatamente sobre estes benefícios da pimenta preta para a digestão?

Você vai descobrir neste artigo!

Leia, comente e compartilhe.

Benefícios da pimenta preta para a digestão

Estudos mostram que a pimenta preta poder ajudar principalmente com os seguintes aspectos da saúde:

  • Melhoria da absorção de nutrientes
  • Suporte de bactérias intestinais saudáveis
  • Potencialmente parando de úlceras ou infecções
  • Inflamação gastrointestinal calmante
  • Desintoxicante do trato digestivo
  • Reduzindo o risco de câncer digestivo

Acontece que as capacidades digestivas que a pimenta preta mostrou no uso popular também têm uma base muito real na ciência.

Isso porque, os constituintes encontrados na pimenta preta – os mesmos que dão a ela aquele sabor agudo e picante – são responsáveis ​​por uma lista diversificada de efeitos benéficos no sistema digestivo.

Isso torna a pimenta-preta um poderoso tempero de cura de muitas outras maneiras. Esses efeitos também causam um grande alvoroço no mundo dos estudos de saúde. Já que, cada vez mais se tem artigos de pesquisa sobre a pimenta-do-reino e seus compostos sendo realizados todos os anos.

Benefícios da pimenta preta para a digestão pela Piperina

Como a pimenta preta tem sido estudada cada vez mais por seus benefícios para a saúde ao longo dos anos, a maioria de suas propriedades pode ser atribuída a um único composto encontrado em suas “frutas” ou sementes de pimenta, um composto chamado piperina.

A piperina é o alcalóide da pimenta preta responsável pelo seu sabor de marca registrada. É também a causa do funcionamento interno da pimenta-do-reino. Assim como todas as suas maravilhosas propriedades de saúde.

O nome “piperina” vem do nome científico do gênero da planta, Piper. Enquanto pimenta preta em si pode ser potente para fins de saúde, extrair piperina da pimenta já é popular hoje em dia. Pricipalmente para obter os efeitos da especiaria na forma mais poderosa, inalterada e potente.

No entanto, se você usar pimenta preta típica da mercearia provavelmente terá alguns benefícios semelhantes, embora menos intensos do que um extrato de piperina. Afinal, os flocos de pimenta preta, podem ter um efeito muito menor na saúde.

Para obter a melhor e mais garantida probabilidade de benefícios da pimenta-do-reino, procure extratos ou suplementos de piperina, que capturem a parte mais útil da planta e aumentem a probabilidade de benefícios.

Estimula as segredades digestivas

Uma das descobertas mais interessantes sobre piperina é que ela estimula o sistema digestivo. Mais especificamente, tem uma maneira de estimular as boas secreções digestivas e, ao mesmo tempo, deter as substâncias nocivas.

Uma revisão de pimenta preta e piperina de 2013 descobriu que o tempero poderia estimular especificamente as secreções gástricas no estômago por meio de receptores de histamina H2 (1, 2). Enquanto isso, um estudo de 2012 mostrou que a piperina poderia parar as secreções que levaram à diarreia. O que foi repetido neste estudo de 2015 (3, 4) .

É uma sorte que o tempero tem um gosto tão desejável e um lugar em tantas misturas de ervas e especiarias. Por isso, adicionar uma pitada aos alimentos todos os dias pode ter um efeito de equilíbrio no sistema digestivo.

Mais adiante, a piperina pode até ser um tratamento útil para problemas intestinais. Como colite, SCI ou SII, embora muitos outros estudos sejam necessários antes disso.

Benefícios da pimenta preta para a digestão e aumento de enzimas digestivas

As secreções digestivas são apenas uma parte importante para a digestão saudável, mas há muito mais do que isso. Seguindo como um segundo próximo às secreções são enzimas digestivas, que a pimenta preta também parece ajudar.

As enzimas digestivas são constituídas por cadeias de aminoácidos produzidos no pâncreas. Precisamos de enzimas digestivas (além das secreções digestivas) para quebrar alimentos muito específicos, especialmente gorduras, proteínas e amidos.

A revisão de 2013 da piperina descobriu que o alcaloide, substância derivada de plantas, poderia ajudar o pâncreas a estimular a criação de mais dessas enzimas. A lipase e a amilase, enzimas necessárias para digerir gorduras e amidos corretamente. Inversamente, um estudo de 2011 descobriu que a piperina também poderia interromper a produção quando havia muitos (5).

Como nas secreções digestivas, a piperina parece ter um efeito de equilíbrio nas enzimas digestivas. No entanto, mais pesquisas são necessárias. Mas isso pode fazer da piperina uma ótima candidata para o tratamento e terapia do pâncreas um dia – embora ainda não.

Mantém os invasores prejudiciais

Além de ajudar a função do intestino de forma otimizada, a piperina também parece ter algumas propriedades protetoras do intestino. Como um tempero antimicrobiano especificamente, pode deter o crescimento de muitos tipos de bactérias prejudiciais que causam tantos problemas e problemas de saúde.

Vários estudos sobre a piperina observaram o alcaloide retardando o crescimento das bactérias ruins que conhecemos tão bem, particularmente cepas que causam doenças e infecções. Um estudo de 2011 descobriu que poderia bloquear bactérias Staph, essa bactéria pode causar sepse, a infecção generalizada (6). Enquanto 2015 trouxe pesquisas mostrando que poderia proteger contra E. coli (7).

Ainda outro estudo em 2016 viu piperina suprimindo bactérias que poderiam causar úlceras (8). Além disso, esse composto pode até mesmo ser eficaz para interromper o desenvolvimento e disseminação de parasitas. Esses resultados foram vistos neste estudo em 2012 e nesta revisão em 2015 (9, 10).

Se a digestão está precisando de alguma limpeza e desintoxicação (em todos os sentidos da palavra), pimenta preta ou piperina pode ser o tempero perfeito para o trabalho.

Mantém a microflora saudável

Porque piperina pode ser tão boa em manter as bactérias intestinais nocivas, pode ser naturalmente de grande benefício para todas as boas bactérias no intestino, ao mesmo tempo. Por isso, é reconhecido como um dos benefícios da pimenta preta para a digestão. 

Nós tendemos a negligenciar o microbioma intestinal como um órgão importante em nossos corpos. Mas aparentemente, o corpo contém muito mais bactérias do que células reais no corpo humano.

Benefícios da pimenta preta para a digestão
Benefícios da pimenta preta para a digestão

Como tal, a importância de cuidar dessas bactérias não pode ser enfatizada o suficiente.

Com a ajuda de piperina mantendo as bactérias indesejáveis ​​fora do sistema digestivo, boas bactérias probióticas são dadas um ambiente rico para prosperar sem a concorrência de bactérias más. Comer os alimentos certos também (como fibra dietética benéfica e probióticos) também favorece boas bactérias intestinais sobre os maus.

Cuidar das bactérias do intestino, com a ajuda da pimenta preta ou piperina, pode fortalecer a saúde digestiva em três partes. Mais bactérias boas podem impedir o crescimento de bactérias e fungos ruins. Ao mesmo tempo em que reduzem desequilíbrios gastrointestinais, doenças e infecções.

E por último, mas não menos importante, a piperina aumenta a absorção ideal de nutrientes. Assim, as bactérias probióticas desempenham um papel vital na realização.

Benefícios da pimenta preta para a digestão e absorção de nutrientes 

Quando todos os benefícios da piperina se acumulam juntos, eles embalam um enorme soco de fortalecimento para a saúde intestinal. Isso porque, no final, todas as vantagens da piperina acabam se beneficiando da maneira como os nutrientes são absorvidos.

Porque piperina aumenta secreções digestivas, enzimas digestivas e bactérias intestinais tornam-se um dos melhores suplementos para aumentar a disponibilidade de nutrientes. A ciência não é apenas teórica – estudos mostram que ela realmente aumenta a absorção de nutrientes!

Um estudo de 2016 descobriu que a pimenta-do-reino (com muitas outras ervas pungentes) estimulou a disponibilidade de nutrientes nos animais. Ao mesmo tempo em que melhorou a maneira como seus sistemas digestivos funcionavam (11).

Em um estudo anterior, em 2013 , foi observado que a piperina melhorava os efeitos de medicamentos anticâncer. Esses remédios eram conhecidos por serem difíceis de serem digeridos pelos seres humanos, tudo devido à ajuda da piperina (12).

Embora sejam necessários mais estudos, a piperina, assim como a própria pimenta-do-reino, pode ser a maravilhosa erva que melhora a digestão que todos esperávamos.

Por fim, ao melhorar a maneira como absorvemos nutrientes e fortalecemos a saúde digestiva, isso pode ter um impacto enorme em nosso bem-estar geral, e de maneiras que nunca imaginamos ser imagináveis.

Além da pimenta outros alimentos podem ajudar na digestão e beneficiar seu emagrecimento. Confira quais são esses alimento.

Alimentos para complementar benefícios da pimenta preta para a digestão
Alimentos para complementar benefícios da pimenta preta para a digestão

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

 

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alívio da indigestãobenefício da pimentaboa saúde digestivaconsumir pimentadigestãodr. juliano pimentelemagrecimentoindigestãomau colesterolmetabolismoobesidadeperder pesoPimenta do reinopimenta pretapiperinaproblemas de digestãosaúdesaúde digestivasaúde intestinalsistema imunológicovitamina C

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta