close
ArtigosDores

Dor no Joelho: Quais São as Causas, Sintomas e Tratamentos

A dor no joelho é um sintoma que pode surgir por muitos motivos e que requer atenção; pode ser um sinal do seu corpo de algo que não está bem e precisa se tratado. Pode ser devido ao desgaste da articulação, ao excesso de peso ou às lesões esportivas.

No entanto, quando ela impede o caminhar ou piora ao longo do tempo, pode ser sinal de um problema mais grave, como rompimento dos ligamentos, osteoartrite ou cisto de Baker (1).

Na maioria dos casos, as dores não indicam gravidade e podem ser tratadas com cuidados para aliviar a dor. Mas em alguns casos precisam de tratamento médico.

Neste artigo, você vai conhecer as causas, sintomas e tratamentos para dores no joelho.

Não deixe de ler e compartilhar.

Dor no Joelho

Dor no Joelho: Pode ser artrite. Imagem: (Divulgação)

Ela pode ser resultado de vários fatores, como uma lesão, ligamento rompido ou cartilagem rompida, ou outros problemas de saúde, como a artrite (2).

As dores podem ser consequências do uso excessivo do joelho, obesidade, ausência de aquecimento e de alongamento antes das atividades físicas (3).

Algumas causas:

  • Artrite;
  • Cisto de Baker;
  • Osteoartrite;
  • Infecção na articulação;
  • Lesões no joelho;
  • Bursite;
  • Distúrbios do tecido conjuntivo, como o lúpus;
  • Luxação patelar;
  • Síndrome da faixa iliotibial;
  • Doença de Osgood-Schlatter;
  • Tendinite;
  • Rompimento da cartilagem (rompimento do menisco);
  • Rompimento do ligamento (rompimento LCA);
  • Distensão ou entorse.

Entre as condições menos comuns que podem provocar dores no joelho estão os tumores ósseos.

Fatores de Risco

Uma série de fatores pode causar dor no joelho, incluindo (4):

1-Excesso de peso

Estar acima do peso ou estar obeso aumenta o estresse sobre as articulações do joelho, mesmo durante as atividades normais, como caminhar ou usar as escadas.

Certas anormalidades estruturais, como ter uma perna mais curta do que a outra, joelhos desalinhados e pés chatos podem tornar uma pessoa mais propensa a ter problemas no joelho (5).

2-Falta de flexibilidade muscular

A falta de força e flexibilidade também estão entre as principais causas de lesões no joelho, não se esqueça da importância do alongamento.

3-Prática de alguns esportes

Alguns esportes podem colocar mais estresse sobre os joelhos do que os outros, como saltos, vôlei e basquete. Tenha mais cuidado ao praticar esses esportes.

4-Lesão anterior

Ter tido anteriormente uma lesão no joelho pode facilitar novas lesões e dores no joelho.

Sintomas

A dor no joelho é, por si só, um sintoma – mas não é o único.

A localização e a intensidade da dor no joelho podem variar, dependendo da causa do problema. Sinais e sintomas que às vezes acompanham a dor do joelho incluem (6):

  • Inchaço e rigidez muscular;
  • Fraqueza ou instabilidade;
  • Vermelhidão e calor ao toque;
  • Incapacidade para endireitar ou esticar totalmente o joelho.

Fique atento aos sintomas e procure orientação médica.

Tratamento

O tratamento para a dor no joelho depende muito da causa. Após o diagnóstico, converse com seu médico sobre a melhor forma de tratamento.

Pode ser necessário procurar um fisioterapeuta e também um ortopedista. Dependendo do caso, é preciso fazer cirurgia para fazer eventuais correções no joelho (7).

Seu médico também poderá prescrever anti-inflamatórios, mas só use prescrição médica.

Alguns tratamentos naturais podem ajudar a aliviar as dores no joelho (8):

  1. Compressa gelada

Especialmente se os joelhos estiverem inchados, aquecidos ou avermelhados. Coloque uma toalha de tecido fino sobre os joelhos e por cima aplique um saco com gelo picado, deixando atuar por cerca de 15 minutos, 2 vezes ao dia.

  1. Repouso

Evite caminhar ou realizar qualquer outro esforço quando seus joelhos estiverem doloridos. Deite no sofá e apoie os pés no braço do sofá, colocando uma almofada alta embaixo dos joelhos para ajudar a diminuir o inchaço e consequentemente a dor nos joelhos.

  1. Use sapatos confortáveis

Use sapatos confortáveis para apoiar bem os pés. Use também roupas confortáveis para facilitar a movimentação e não piorar as dores no joelho.

Outras dicas importantes são: não pular, não correr e evitar o uso de salto alto.

4. Alimentação de verdade

Os alimentos que você consome também pode ajudar a prevenir as dores e ainda aliviar os sintomas de dor no joelho.

Aquilo que comemos é refletido na nossa alimentação.

Alimentos de verdade como brócolis e outros vegetais crucíferos, alho, cúrcuma e peixes como salmão e o pinhão, podem ajudar a diminuir a inflamação, limpar o organismo de agentes tóxicos, aumentar as defesas do seu corpo.

Mas não deixe de consultar um médico e mudar os hábitos alimentares.

Lembre-se de excluir os alimentos industrializados, açucarados e que aumentam as inflamações do seu organismo, preste atenção aquilo que você come que pode piorar os sintomas e as dores (9).

Prevenção

Algumas medidas preventivas podem ajudar a evitar eventuais dores no joelho, principalmente aquelas causadas por atividade física incorreta.

  • Aumente a prática aos poucos, aumentando a frequência e pesos conforme o tempo for passando e, de preferência, com orientação profissional;
  • Sempre se aqueça antes de se exercitar e refresque-se após as atividades. Alongue o quadríceps e tendões das pernas;
  • Substitua os calçados com frequência. Peça boas sugestões em relação a calçados adequados à forma e à mecânica do seu pé.

A dor no joelho pode ser causada pela obesidade, preparo físico ruim, ausência de aquecimento e de alongamento. Para aliviar os sintomas da dor faça compressa de gelada, repouse e use sapatos confortáveis.

Caso as dores persistam, procure orientação médica. Ele pode avaliar a sua saúde e a melhor forma de tratamento. Nunca se medique sem orientação médica.

Alie esses cuidados com uma vida ativa, longe do sedentarismo e longe de alimentos prejudiciais para a saúde.

Cuide-se! E viva melhor!

Então se você sofre com dores no joelho, no próximo dia 21/06, às 20 Horas,  eu vou dar uma aula super especial ONLINE e GRATUITA, e revelar o segredo que vai te fazer sair da mira das doenças crônicas e suas complicações.

Para se inscrever para essa aula clique aqui.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentos industrializadosalongamentoBursiteCisto de Bakerdesgaste da articulaçãodestaquedor no joelhodr. juliano pimentelexcesso de pesohábitos alimentaresInchaço e rigidez muscularlesões esportivasmedidas preventivasortopedistaosteoartriteRepousoRompimento do ligamentosaúdesedentarismo

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta