https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close
Artigos

Glúten e Leite: É melhor evitar!

Glúten e leite estão presentes na maioria das refeições dos brasileiros e são o motivo para variadas condições de saúde. 

São sorrateiros, normalmente tidos como alimentos indispensáveis para o brasileiro como o pão com manteiga e café com leite, mas a grande verdade é que são perigosos. Principalmente se você tiver algum tipo de intolerância. 

Tanto o glúten quanto o leite prejudicam seu corpo. Pois desencadeiam caminhos e mecanismos que levam à doença, mesmo se você não apresentar sensibilidade ao glúten ou intolerância ao leite em seus exames.

Por que isso acontece?

Glúten e Leite são motivo de inflamação | Juliano Pimentel
Glúten e Leite são motivo de inflamação

O glúten é um termo genérico que se refere a uma família de proteínas conhecidas como prolaminas. Estas proteínas são resistentes à digestão humana.

Todo alimento tem aminoácidos que juntos formam as proteínas que serão absorvidas pelo corpo. 

Para que essa absorção ocorra da maneira correta a proteína precisa ser quebrada. A tesourinha responsável pela quebra da proteína se chama enzima.

Sendo assim, tudo que consumimos depende da enzima responsável para quebrar a proteína para então o corpo digerir e absorver.  A enzima da lactose, por exemplo, é a lactase. A pessoa que não tem a enzima lactase tem intolerância à lactose, ou seja, não digere.

O grande problema do glúten é que nenhum ser humano tem a enzima (a tesourinha) que digere o glúten. Sendo assim, o ser humano de maneira geral é intolerante ao glúten. 

Glúten e leite causam inflamação

Digerir alimentos aos quais você é intolerante continuamente causa inflamação. 

Quando chega no intestino o glúten gera uma reação de separação das moléculas intestinais. A distância entre as células gera permeabilidade intestinal, responsável pelos vários problemas de saúde. 

Qualquer síndrome fibromiálgica e doença autoimune, têm relação com glúten. Por inflamar o intestino, o glúten potencializa todo o tipo de inflamação do corpo. Por isso, está associado a sinusite e rinite de repetição, mente anuviada, endometriose, dores articulares e todo tipo de doença crônica. 

São mais de 300 sinais relacionados ao glúten, dentre eles intestino preso, vaginismo, doença autoimune, gastrite, refluxo, queda de cabelo, dor de cabeça, eczema, diarreia, cistite de repetição.

80% da imunidade acontece no intestino, por isso, tudo que você come tem um impacto no seu corpo.

Existem proteínas que nosso corpo não tem condição e capacidade de reconhecer, digerir e absorver. As duas principais são:

  • Caseína, proteína do leite. Tanto o leite quanto seus derivados são alimentos inflamatórios, eles causam a destruição da peneira presente no intestino. Quando eu falo sobre os problemas do leite, entendo que me refiro à caseína, proteína presente no leite de vaca.
  • Glúten, proteína do trigo, centeio e cevada. Também causam aberturas nessa peneira.

Além das duas proteínas principais, alimentos açucarados e soja, são altamente inflamatórios.

Caseína a proteína do leite

É importante pensar que a vaca que produz o leite recebe tratamento para se tornar uma vaca leiteira. Tudo que a vaca consome vai para o seu corpo através do leite, o solo onde a vaca pasta, por exemplo, está cheio de pesticida que acaba indo para seu corpo através do leite.

Todas as substâncias que são acrescentadas no processo de agricultura e pecuária alteram a molécula no nosso alimento.

O leite da vaca é na verdade o resultado de tudo que foi usado nela para produzir. Nossa imunidade quer nos defender do que é agressor. Por isso, até uma dor de cabeça, é sinal para ligar o alerta de qual alimento você ingeriu que pode ter causado a dor.  

Então, compre seus alimentos na feira e não procure pelo alimento perfeito. Além disso, leia os rótulos.

Caso sua alimentação gera permeabilidade intestinal e inflamação, você terá problemas a médio e longo prazo. A única solução nesse contexto é melhorar a digestão ou parar de consumir o alimento. 

O trigo, centeio e cevada contém glúten e nós não temos a enzima para digerir essa proteína. Ou seja, esse tipo de alimento não deve ser consumido.

Como solucionar?

Escolher melhor o alimento que você ingere. Para fazer isso de maneira coerente é preciso conhecimento. Sugiro que comece pela leitura do livro Saúde Plena!

> Saúde plena: equilibre sua alimentação e seus hábitos para uma vida mais feliz 

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alergia alimentarcaseínaglútenleitesoja

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta