https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close
Artigos

Óleo de Prímula: Benefícios para pele e saúde da mulher

O óleo de prímula (EPO) é muito usado em benefício da saúde da mulher e na melhora de dores e inflamações. 

Todos esses benefícios do óleo são provenientes do ácido gama-linolênico (GLA), um ácido graxo ômega-6 encontrado em óleos vegetais.

Neste artigo você vai conhecer os benefícios do EPO e quais são as indicações de uso.

Antes de seguir com o conteúdo, quero te fazer um convite para participar do meu grupo no Telegram. Lá você recebe pílulas diárias de saúde e fica por dentro das lives que eu faço diariamente. 

Óleo de prímula para saúde da pele

Óleo de prímula é útil para manter a umidade da pele.
Óleo de prímula é útil para manter a umidade da pele.

Um dos grandes benefícios do óleo de prímula é a melhora da umidade da pele e a perda transepidérmica de água.

Paciente com boca, pele e olhos secos, por exemplo, podem perceber melhoras significativas com o uso do EPO (1). Essa descoberta foi realizada associando o EPO a um medicamento para acne. 

Sendo assim, o óleo de prímula ajudou a manter a umidade da pele, enquanto os outros agentes do medicamento melhora a excreção do sebo.

Além de acne, o óleo de prímula é também muito usado em pessoas com eczema, desde a década de 1930. Eczema é uma doença de pele que causa erupções na pele com coceira e às vezes dolorosas. 

A doença é mais comum em crianças, que geralmente crescem, mas os adultos também podem ter. O grande problema é que não há cura.

No entanto, mudanças de hábitos, principalmente na alimentação e suplementação ajudam o paciente a lidar melhor com a coceira. 

Além de diminuir o consumo de alimentos e bebidas inflamatórias, o tratamento mais comum para o alívio dos sintomas, geralmente, são suplementos de ervas e óleo de prímula.

De maneira geral o GLA, presente no óleo, é necessário para a estrutura e função ideais da pele. Como a pele não consegue produzir GLA por conta própria, por exemplo, acredita-se que tomar EPO rico em GLA ajuda a manter a pele saudável.

Óleo de prímula para saúde da mulher

O óleo de prímula foi objeto de vários estudos clínicos, incluindo síndrome pré-menstrual (TPM), ondas de calor, mastalgia, assim como fibroadenomas, diabetes gestacional, amadurecimento cervical e dilatação. 

No entanto, os principais estudos clínicos são sobre mastalgia, seguida pela TPM. 

O ciclo menstrual pode fazer com que os seios fiquem temporariamente doloridos, ingurgitados e mais volumosos. Alias, cerca de duas em cada três mulheres sentem alguma dor nos seios durante o ciclo, o que geralmente é normal.

As dores muito fortes no peito durante a menstruação são chamadas de Mastalgia. No entanto, a suplementação com EPO pode amenizar as dores. 

De acordo com estudo, o GLA na EPO reduz a inflamação e ajuda a inibir as prostaglandinas que causam dor cíclica na mama. O estudo descobriu que tomar doses diárias de EPO e vitamina E por seis meses diminuiu a gravidade da dor cíclica na mama (2).

Além de amenizar as dores no peito, pode ser útil para sintomas da TPM. Isso porque, os pesquisadores acreditam que algumas mulheres sofrem de TPM porque são sensíveis aos níveis normais de prolactina no corpo. No entanto, o GLA se converte em uma substância no corpo (prostaglandina E1) que ajuda a prevenir a prolactina de desencadear a TPM.

De acordo com um estudo a suplementação contendo vitamina B-6, vitamina E e EPO foi eficaz no alívio da TPM (3).

Óleo de prímula para a saúde geral

Além da saúde da pele e da mulher, o óleo de prímula foi testado em outras condições que podem ser úteis para sua saúde. 

Uma delas é a redução de danos nervosos causados ​​por diabetes. A pesquisa mostra que tomar óleo de prímula diariamente por 6-12 meses melhora os sintomas de danos nos nervos causados ​​pelo diabetes.

Além do mais, tomar óleo de prímula com óleo de peixe e cálcio parece diminuir a perda óssea e aumentar a densidade óssea em idosos com osteoporose .

Alguns estudos sugeriram que o GLA pode reduzir a dor e melhorar a função em pessoas com artrite reumatoide leve a moderada (4).

Há evidências conflitantes sobre se o EPO reduz a pressão arterial. No entanto, os pesquisadores chamaram a redução de “uma diferença clinicamente significativa” para o risco de pressão alta durante a gravidez ou pré-eclâmpsia, uma condição que causa pressão alta durante e após a gravidez (5).

Procure um médico

De maneira geral, existem evidências de que a EPO pode beneficiar algumas doenças por si só ou como terapia complementar. No entanto, são necessárias mais pesquisas. 

Além disso, vale lembrar que não existe uma dosagem padronizada para EPO. A maioria das recomendações de dosagem baseia-se no que foi usado em pesquisas. 

Por isso, converse com seu médico para avaliar os riscos e benefícios de tomar EPO e obter aconselhamento sobre a dosagem adequada para você.

Para conhecer mais suplementos e como eles podem ajudar a melhorar sua saúde, faça parte do Saúde Todo Santo Dia. São lives diárias às 05:59 da manhã para ajudar você a melhorar a saúde da sua família!

Faça parte do STSD e transforme a sua vida e a saúde da sua família para melhor.

Abraços e fique com Deus. 

Dr. Juliano Pimentel 

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : óleo de prímulaÔmega-6prímula da noite

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta

7 saúdes com Dr. Juliano Pimentel