https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close

Falta de energia, cansaço, desânimo, lombeira, marasmo, inércia, sonolência, todas essas palavras são usadas para definir a sensação de preguiça. 

Mas, o que a preguiça significa realmente? Como se livrar dela?

A preguiça é algo que ainda não foi totalmente compreendido, mas isso não significa que não haja nada que você possa fazer para se sentir menos preguiçoso.

A preguiça significa coisas diferentes para pessoas diferentes, então o primeiro passo para descobrir por que você se sente tão preguiçoso é identificar o que a preguiça significa para você.

Preguiça para exercícios físicos

Uma das preguiças mais recorrentes é a falta de ânimo para fazer exercícios físicos e atividades que demandam esforço em geral.

Mas, acredite, esse desânimo para se mexer está incrustado em nós desde a criação dos tempos. É só observar os animais na natureza.

O que te dá preguiça?

É natural do animal poupar energia, afinal o animal foi feito para gastar energia em três situações: atrás de sexo, atrás de comida e para fugir de predadores.

Ou seja, fazer atividade física só por fazer não está entre as prioridades dos animais, nem dos homens. É por esse motivo que quando o despertador toca, mesmo desanimado, você levanta e vai trabalhar, mas tem dificuldade para levantar e ir caminhar. 

Mas, deixa eu te dizer uma coisa: você pode desenvolver o hábito de praticar exercícios sem que seja um fardo. Porém, não adianta ficar no sofá esperando o ânimo, porque ele não virá!

E você precisa fazer algo para deixar de lado a falta de energia para a prática de exercícios. Afinal de contas, quando o corpo não se movimenta, ele para.

O que pode ser essa falta de energia?

Vários fatores podem desencadear essa preguiça. Algumas condições físicas, por exemplo, podem estar causando esse estado de desânimo (1,2, 3, 4, 5, 6

  • anemia e diabetes, por exemplo
  • hipotireoidismo 
  • fadiga crônica
  • apneia do sono
  • por fim, fibromialgia

Distúrbios da tireoide ou deficiências de vitaminas podem fazer você se sentir cansado e com pouca energia. Além disso, se você está preocupado com a possibilidade de sua preguiça ser causada por uma condição médica ou se tiver outros sintomas que o preocupem, consulte um médico.

Na maioria dos casos, há um motivo para a preguiça de uma pessoa. Se você sentir que está se apoderando de você, dê um passo para trás e avalie a situação. Existe algum motivo para você estar sem energia? Você está exausto de tudo que a vida tem jogado em você ultimamente? Você está oprimido por alguma coisa ou simplesmente sem inspiração para o que está fazendo?

Depois de saber a causa, você pode tomar medidas para fazer algo a respeito.

Falta energia…

Essas situações são as mais comuns que os profissionais averiguam para encontrar o causador da preguiça. No entanto, outro ponto que precisa ser considerado é o funcionamento do seu corpo para a própria produção de energia.

A mitocôndria é a organela presente em nossas células responsável por transformar a glicose e os ácidos graxos (gordura) em energia. 

Porém, quando a alimentação é muito rica em carboidratos refinados, açúcares e alimentos processados isso causa uma inflamação das células e prejudica a formação de energia. 

Por isso, quanto mais açúcares, farinhas e alimentos processados você consumir seu nível de energia vai ficar prejudicado. Sem contar que, enquanto a mitocôndria está processando a glicose em energia, a gordura está ficando acumulada. 

O estilo de vida

Será que seu estilo de vida está deixando você preguiçoso? Por exemplo, uma dieta pobre, muito álcool e falta de sono de boa qualidade podem deixá-lo cansado e desmotivado.

Faça pequenas mudanças em seu estilo de vida para tentar melhorar como você se sente. E se você suspeitar que o consumo de álcool é muito alto, tente reduzir a quantidade de álcool que bebe. 

O estresse também pode levar a um sono insatisfatório, que por sua vez pode fazer você se sentir cansado e sem motivação. Um estudo realizado pela Fundação de Saúde Mental descobriu que até um terço da população do Reino Unido não dorme devido ao estresse. Se seus níveis de estresse forem altos, fale com um médico.

Preguiça para com a vida 

Como disse no início do post, a preguiça é diferente para as pessoas. Enquanto para algumas pessoas é um cansaço, uma vida com hábitos ruins, ou até problemas hormonais, para outras pode ser a falta de interesse pelas coisas ou sensação de estar desconectado.

E esse tipo de preguiça pode ser depressão!

De maneira geral, nós precisamos estar em movimento. E para isso é necessário energia! 

Melhore seus hábitos alimentares, busque dormir melhor e se esforce para fazer algum tipo de exercício.

A preguiça precisa ser encarada com uma disciplina militar. Ela não vai passar sozinha, é você quem precisa fazer algo diferente para conseguir sair dessa situação. 

Se você encara isso com uma coisa muito importante na sua vida você vai conseguir melhorar seu hábitos e ter mais disposição.

Abraços e fique com Deus.

Dr. Juliano Pimentel

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : ânimo estar com preguiçabaixa energiapreguiça

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta

7 saúdes com Dr. Juliano Pimentel