close
DoresFitness

Crioterapia – O que é e como funciona?

Crioterapia significa literalmente “terapia a frio” e é uma técnica em que o corpo é exposto a temperaturas extremamente baixas por vários minutos.

A crioterapia pode ser realizada em apenas uma área ou você pode optar pela crioterapia de corpo inteiro. A crioterapia localizada pode ser administrada de várias maneiras, inclusive através de compressas de gelo, massagem com gelo, sprays, banhos de gelo e até mesmo através de sondas administradas no tecido.

A teoria da crioterapia de corpo inteiro (WBC) é que, ao imergir o corpo em ar extremamente frio por vários minutos, você pode receber vários benefícios à saúde.

Ou seja, o indivíduo ficará em uma câmara fechada ou em um pequeno compartimento que envolve o corpo, mas tem uma abertura para a cabeça no topo, a uma temperatura de 150 graus negativo. Geralmente a pessoa fica exposto a esta temperatura super baixa por um período de dois a quatro minutos.

Benefícios da Crioterapia

1. Reduz os sintomas da enxaqueca

A crioterapia pode ajudar a tratar a enxaqueca, esfriando e entorpecendo os nervos na área do pescoço.

Um estudo demonstrou encontrou que a aplicação de um envoltório do pescoço contendo duas bolsas de gelo congeladas nas artérias carótidas do pescoço reduziu significativamente a dor de enxaqueca nas pessoas testadas (1).

crioterapia no corpo todo

Os pesquisadores acreditam que isso funciona pois esfria o sangue que passa através dos vasos intracranianos. E as artérias carótidas estão próximas da superfície da pele e são acessíveis.

2. Inibir irritação do nervo

Muitos atletas usam a crioterapia para tratar lesões há anos, e uma das razões é que ela pode entorpecer a dor (2). É que o frio pode realmente entorpecer um nervo irritado, por isso, os médicos tratarão a área afetada com uma pequena sonda inserida no tecido próximo. Sendo assim, isso pode ajudar a tratar nervos comprimidos ou neuromas, dor crônica ou até lesões agudas.

3. Ajuda a tratar distúrbios de humor

As temperaturas ultra-frias na crioterapia de corpo inteiro podem causar respostas hormonais fisiológicas. Isso inclui a liberação de adrenalina, assim como noradrenalina e endorfinas.

Isso pode ter um efeito positivo naqueles que sofrem de transtornos do humor, como ansiedade e depressão, por exemplo (3).Um estudo encontrou que a crioterapia de corpo inteiro foi realmente eficaz no tratamento a curto prazo para ambos.

4. Reduz a dor artrítica

O tratamento localizado com crioterapia não é a única coisa eficaz no tratamento de condições graves, um estudo mostra que crioterapia de corpo inteiro reduziu significativamente a dor em pessoas com artrite (4).

Eles descobriram que o tratamento foi bem tolerado e também permitiu fisioterapia mais agressiva e terapia ocupacional como resultado. Isso finalmente tornou os programas de reabilitação mais eficazes.

5. Pode ajudar a tratar tumores de baixo risco

A crioterapia localizada e direcionada pode ser usada como tratamento de câncer (5). Nesse contexto, é chamado de “criocirurgia”. Ele funciona congelando as células cancerígenas e circundando-as com cristais de gelo. Atualmente, está sendo usado para tratar alguns tumores de baixo risco para certos tipos de câncer, incluindo câncer de próstata.

6. Pode ajudar a prevenir demência e doença de Alzheimer

Embora sejam necessárias mais pesquisas para avaliar a eficácia dessa estratégia, teoriza-se que a crioterapia de corpo inteiro pode ajudar a prevenir a doença de Alzheimer e outros tipos de demência.

crioterapia pode prevenir doença de Alzheimer

Acredita-se que esse pode ser um tratamento eficaz, porque os efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios da crioterapia podem ajudar a combater as respostas inflamatórias e ao estresse oxidativo que ocorrem com a doença de Alzheimer (6).

7. Trata a dermatite atópica e outras doenças de pele

A dermatite atópica é uma doença inflamatória crônica da pele com sintomas característicos de pele seca e com coceira. Porque a crioterapia pode melhorar os níveis de antioxidantes no sangue e pode reduzir simultaneamente a inflamação, faz sentido que a crioterapia localizada e de corpo inteiro possa ajudar a tratar a dermatite atópica. Outro estudo examinou seu efeito para a acne, visando as glândulas sebáceas (7).

Você pode obter benefícios de apenas uma sessão de crioterapia, mas é mais eficaz quando usado regularmente. Alguns atletas usam crioterapia duas vezes por dia. Outros vão diariamente por 10 dias e depois uma vez por mês depois.

Benefícios da crioterapia para perda de peso

A teoria por trás da crioterapia é que congela as células de gordura em todo o corpo e as mata. Isso faz com que sejam filtrados para fora do corpo pelo fígado e removidos permanentemente de áreas de tecido adiposo.

Um estudo de 2013 descobriu que a exposição diária a temperaturas baixas 17 ° C por 2 horas por dia durante 6 semanas reduzia a gordura corporal total em cerca de 2% (8).

Isso ocorre porque uma substância em seu corpo chamada tecido adiposo marrom (BAT) queima gordura para ajudar a gerar energia quando seu corpo é exposto ao frio extremo.

Ou seja, o estudo sugere que o corpo pode ter mecanismos para reduzir a gordura devido a temperaturas frias.

No ano seguinte, outro estudo analisou participantes que foram expostos a temperaturas cada vez mais baixas e temperaturas cada vez mais quentes todas as noites durante 4 meses. O estudo começou em 23,9 ° C até 19,2 ° C  e voltou a 27,2 ° C até o final do período de quatro meses (9).

Os pesquisadores descobriram que a exposição a temperaturas progressivamente mais frias e mais quentes pode tornar seu BAT mais sensível a essas mudanças de temperatura e ajudar seu corpo a melhorar o processamento da glicose.

Isso não está necessariamente associado à perda de peso. Mas o aumento do metabolismo do açúcar pode ajudar a perder peso ao longo do tempo, ajudando seu corpo a digerir melhor os açúcares que, de outra forma, podem se transformar em gordura corporal.

Outras pesquisas também apoiam a ideia de que a crioterapia funciona melhor quando combinada com outras estratégias para perda de peso – como exercícios.

Como aderir à crioterapia?

Existem clínicas específicas para realizar o tratamento com crioterapia. A escolha da clínica vai depender do tratamento que você precisa.

Além disso, algumas academias têm aderido ao tratamento para recuperação dos músculos. Para isso, enchem uma banheira com gelo e os adeptos permanecem no gelo de 2 a 4 minutos.

Agora que você já sabe mais sobre a crioterapia te convido a conhecer meu programa D7D. São 7 dias de mudanças de hábitos para te ajudar a eliminar de 3 a 10 quilos em uma semana.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

 

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : açúcaralimentaçãoalimentos industrializadosAlzheimeransiedadeantioxidantesartriteartrosecarboidratoscrioterapiadepressãodestaquediabetesdoença de Alzheimerdr. juliano pimentelGostosuras Low Carbmetabolismosaúdesistema imunológicoterapia

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta