close
Dores

Desânimo: Como Vencer com 7 Passos Práticos

Dr Juliano Pimentel

desânimo recorrente pode prejudicar a sua vida em muitos aspectos, inclusive na produtividade no trabalho, na escola e em outros campos, isso também pode ser um sinal de alerta do seu organismo. Vencer o desânimo e esses outros sentimentos pode ser mais fácil do que você pensa.

Não perca esse artigo e saiba como vencer o desânimo e dar uma nova cara para a sua vida.

Não deixe de ler e compartilhar.

Desânimo

Muitas vezes as pessoas se sentem tristes ou desanimados e não prestam atenção no motivo que as deixou assim, elas simplesmente estão para baixo e vão adiando este sentimento ruim.

Um dos maiores erros que você pode cometer, neste caso, é adiar o sentimento, porque desta forma ele poderá se tornar maior e maior até que vire uma bola de neve e seja mais difícil controlá-lo.

Você já parou para imaginar o que poderia estar te causando essa sensação? Foi uma discussão? Algum mal entendido no trabalho? Foi mal em alguma prova? Ou de repente há motivos maiores?

Pensar e descobrir o que te causa o desconforto é o primeiro passo para melhorá-lo.

Passos Para Vencer O Desânimo

Agora apresentarei a você alguns passos simples, mas eficazes que vão ajudar você a vencer o desânimo e viver melhor.

1 – Pensar Em Você Mesmo

Você tem dado um tempo a você mesmo, ultimamente? Muitas vezes, esta é uma das razões pelas quais as pessoas sentem um vazio constante e sentem desânimo; elas não dedicam tempo suficiente a si mesmas.

Ao passar um tempo sozinho, fazer atividades de que gosta, ver um filme, ir ao teatro, comprar algum presente para si mesmo pode te fazer muito bem. Um tempo para você é mais do que essencial.

Se conheça melhor, saiba seus gostos, saiba sobre os seus sentimentos. Como você se sente com o seu jeito? Com o seu corpo? Se possível, mude alguma coisa em você, algo que o vá fazer feliz, que o vá fazer se sentir mais leve.

Muita gente acaba se sentindo mal por conta da aparência, e nesse caso sentem a autoestima baixar, então é de extrema importância que você dê atenção para o seu corpo.

Seja cuidar mais da aparência e da saúde, ou até mesmo emagrecer, faça algo que te deixe satisfeito com seu próprio corpo.

2 – Positividade

Concentrar nossa energia em pensar somente em problemas, nos torna pessoas mais pessimistas, e o pessimismo não atrai os sentimentos bons, muito pelo contrário, atrai o desânimo.

Isso aumenta o desânimo, ansiedade, frustração e estresse.

Ao invés disso, tente concentrar suas energias nas coisas boas que tem acontecido, e comemorar pequenas vitórias é um bom passo para que possa sentir mais feliz e completo com você mesmo.

Busque a presença de pessoas que tenham os mesmo objetivos que você, e que agreguem boas energias para a sua vida.

3 – Exercite-se

Se você gostar de caminhar, caminhe. Se gostar de correr, corra. Dance, aprenda um novo esporte, frequente a academia, faça trilhas, mas não fique parado (a).

 

As atividades físicas melhoram a circulação e libera endorfinas no organismo, que são responsáveis por manter a sensação de felicidade, bem- estar e aumenta a energia; isso ajuda a combater o desanimo e até mesmo a depressão (1).

Além do mais, aliada a uma boa alimentação, os exercícios te farão perder peso, o que pode ser um dos motivos do seu desânimo.

Veja essa dica:

Hábitos saudáveis: como ter uma vida longa e feliz

4 – Alimente-se Bem

Desânimo: Coma Alimentos Que Aumentam a Energia. Imagem: (Divulgação)

Alimentar-se bem não é apenas para quem está em uma dieta ou pretende perder peso, pois se a alimentação influência diretamente em nossa saúde e em como nos sentimos, é importante que possamos cuidar do que comemos.

Ingerir muito carboidrato e comidas industrializadas prejudicam a saúde de muitas formas, e uma delas é o seu estado emocional.

O excesso de carboidrato na alimentação aumenta a fatiga, engorda, aumenta a disposição, e as chances de transtornos psicológicos.

Mantenha a dieta balanceada, com bastante legumes, verduras, frutas de baixa frutose, sementes e carnes, com pouco carboidrato (2).

Veja essa dica:

Alimentos que estimulam a sensação de felicidade

5 – Ouvir Música

Escutar música, seja qual estilo for, não só é muito prazeroso como também faz bem para o nosso cérebro, e pode nos dar uma sensação de mais energia

Estudos feitos pela Universidade McGill em Montreal, mostraram que o cérebro trabalha com mais funções e responde melhor ao ouvir música.

Em um estudo publicado pelo Cognitive Sciences, os pesquisadores estudaram pacientes que estavam prestes a realizarem cirurgias, e colocaram música para uns e deram remédios de ansiedade para outros (3).

O resultado foi que os pacientes que ouviram a música tiveram muito menos ansiedade do que os que tomaram os remédios.

Por isso, ouvir música e mesmo dançar pode te trazer muitos benefícios e diminuir o seu estresse e desanimo consideravelmente. Procure ouvir suas músicas preferidas durante o dia, e verá uma melhora grande no seu humor.

6 – Dormir

Dormir mal é um dos principais motivos pelos quais as pessoas se sentem desanimadas e sem energia durante o dia.

Uma noite de sono de qualidade é a chave para que você possa se sentir melhor, e uma noite mal dormida pode tirar a sua atenção e foco pelo resto do dia, e diminuir sua produtividade para inúmeras atividades. (4)

No entanto, dormir em excesso também não é bom, pois assim como dormir mal, poderá te deixar mais lento durante e o dia e te dará mais dificuldade de dormir na próxima noite.

Por isso, é imprescindível que se tenha um horário certo para se deitar e para acordar, e que seu sono dure no mínimo 7-8 horas.

Também é importante relaxar totalmente ao deitar-se, se livrar de luzes e ruídos incômodos e principalmente, a prática da meditação antes de dormir ajuda muito no relaxamento.

7 – Peça Ajuda

Não tenha medo de falar sobre os seus sentimentos e angústias. Converse!

Busque alguém que você sinta confiança e que possa falar sobre como se sente; pode ser um amigo, familiar ou ajuda de um profissional.

Jamais adie a ida ao médico, procure ajuda.

Pequenos passos podem mudar a sua vida.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : ansiedadecomidas industrializadasdesânimodieta balanceadadormirdr. juliano pimentelemagrecerestresseOuvir Músicaperder pesopessimistasPositividadesensação de felicidadevencer o desânimo

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta