Selecione a página

Por que estou sempre cansado? 4 motivos do seu cansaço frequente.

Por que estou sempre cansado? 4 motivos do seu cansaço frequente.

Você se sente sempre cansado e desanimado da vida? Vários fatores podem te manter assim. O primeiro deles é o menos falado é a falta de conexão com sua vida.

Não é papo de coach, mas antes de ler os problemas físicos que te deixam sempre cansado, quero que você pense sobre sua relação com sua própria existência.

Você é natureza, faz parte dela, como você se relaciona com o que é natural? Você é templo do espírito de Deus, como você se relaciona com sua fé?

Refletir sobre esses fatores que fazem parte do que você é, vão te ajudar a se conectar mais com você mesmo e contribuir para que você cuide da sua saúde com mais vigor e energia. 

4 motivos de você está sempre cansado

1 – Doença da Tireoide

Dezoito milhões de brasileiros sofrem de doenças da tireoide, doença que ameaça especialmente mulheres e idosos.

Os principais sintomas da doença da tireoide são:

  • fadiga, mau humor, dores musculares e articulares, ganho ou perda de peso, problemas de visão, mau desempenho no trabalho, mudanças na temperatura corporal.
Distúrbios da tireoide podem te deixar sempre cansado.

Distúrbios da tireoide podem te deixar sempre cansado.

Um distúrbio da tireoide pode aparecer de muitas formas diferentes porque a glândula tireoide é considerada uma “glândula mestra”, aquela que secreta hormônios que, de uma forma ou de outra, afetam quase todas as funções corporais.

Acredita-se que existam quatro causas principais de doenças da tireoide, que podem ser a razão pela qual você sente que está sempre cansado:

  • Desequilíbrios hormonais causados ​​por estresse e dieta
  • Intolerâncias alimentares a coisas como glúten e laticínios
  • Exposição à radiação e toxicidade
  • Uma deficiência nutricional em iodo e selênio

Remédios naturais para doenças da tireóide:

Uma doença da tireóide pode estar fazendo com que você se sinta lento. Aqui estão algumas das maneiras pelas quais você pode ajudar a recuperar:

  • Vá sem glúten e principalmente sem laticínios (especialmente de vacas de caseína A1).
  • Evite toxinas e metais pesados ​​como o BPA (Bisfenol A) encontrados em garrafas plásticas e latas de alumínio.
  • Verifique seus níveis de iodo e selênio e inclua mais fontes alimentares de ambos ou tome suplementos, se necessário.
  • Desintoxique seu corpo de metais pesados ​​usando produtos como cardo de leite, açafrão, clorela e coentro, além de considerar a remoção de obturações de metal dos dentes.
  • Consuma  ervas adaptógenas e superalimentos como maca em pó, ashwagandha e tulsi.
  • Ajuste sua dieta para ter uma ingestão menor de carboidratos, mas inclua muita proteína magra e fontes de gordura saudáveis ​​(especialmente alimentos como óleo de coco, leite de coco, abacate, carne alimentada com capim, peixe selvagem, chia, linhaça e sementes de cânhamo).

2 – Estilo de vida sedentário

Nos ambientes de trabalho ocupados e voltados para o escritório de hoje, é comum que muitas pessoas desenvolvam um estilo de vida sedentário .

Ficar sentado o dia todo é muito difícil para o corpo e geralmente causa dor, dor no pescoço, rigidez, dor nas costas e dores de cabeça crônicas – além disso, um estilo de vida sem energia causa fadiga, fazendo você se sentir como se estivesse sempre cansado! 

Seu corpo foi feito para se movimentar, então quando ele não realiza atividades regulares, você pode ter problemas de humor, lentidão, cansaço e ganho de peso.

O que causa um estilo de vida sedentário:

  • falta de movimento, problemas nas costas, dor crônica, passar muito tempo sentado, falta de motivação

O exercício regular pode ajudar a equilibrar os hormônios, melhorar a resistência à insulina e ajudá-lo a dormir melhor, todos importantes para combater a falta de energia. 

O exercício faz maravilhas para o corpo, liberando endorfinas, aumentando sua resistência e melhorando seu humor. (Claro, também pode adicionar mais tônus ​​muscular ao seu corpo enquanto queima gordura insalubre.)

Ser ativo ajuda a regular os padrões hormonais que permitem dormir melhor à noite. O exercício oferece uma alternativa potencialmente atraente ou um tratamento adjuvante para a insônia… O exercício pode ser um meio saudável, seguro, barato e simples de melhorar o sono.” (1)

Mesmo quando você está se sentindo cansado, se você acha que pular sua rotina normal de exercícios vai impactar positivamente sua energia, você pode querer pensar novamente sobre fugir da academia ou daquela corrida que você planejou. O exercício pode realmente ajudar a acordá-lo! Afinal, o dia foi feito para sermos ativos e ao ar livre por pelo menos 30 minutos por dia… em vez de acorrentados à sua mesa ou trabalhando como escravos na cozinha.

Embora possa parecer difícil começar quando você está sempre cansado, o exercício de longo prazo resultará em melhor equilíbrio hormonal e energia prolongada à medida que você se acostuma.

Como se mover?

  • Experimente uma mesa de pé ou uma que se ajuste para ficar de pé e sentar.
  • Sente-se em uma grande bola de exercícios. Ele mantém as costas retas e envolve o núcleo sem colocar muita pressão nos quadris e nas pernas.
  • Faça pausas para “caminhar”. Caminhe pelo seu prédio, área de escritório ou estacionamento por blocos de 15 minutos de cada vez.
  • Planeje atividades regulares ao ar livre ou exercite-se antes ou depois do trabalho. 
  • Faça pausas de alongamento de 5 minutos para cada hora de trabalho.

3 – Depressão

A depressão é um dos transtornos mentais e ladrão de energia mais comuns no planeta, com cerca de 11,5 milhões de adultos com 18 anos ou mais tendo pelo menos um episódio depressivo maior por ano (2).

Acredita-se que a depressão seja causada por variáveis ​​como:

  • alto estresse, problemas emocionais não resolvidos, desequilíbrios de neurotransmissores, desequilíbrios hormonais, consumo excessivo de álcool, deficiências nutricionais, falta de luz solar, toxicidade de metais pesados
Depressão pode te deixar sempre cansado

Depressão pode te deixar sempre cansado

Remédios naturais para depressão:

Um dos maiores e mais difíceis sintomas de lidar com a depressão? Falta de energia e baixa motivação. Felizmente, mudanças em sua dieta  podem realmente ajudar a aliviar a depressão.

Isso ocorre porque os alimentos podem afetar significativamente nosso humor por meio das ações dos neurotransmissores em nosso cérebro. Siga uma dieta antidepressiva para começar a aumentar sua capacidade de produzir “hormônios do bem-estar”:

  • Reduza drasticamente a ingestão de alimentos processados ​​e refinados, fast foods, alimentos ricos em açúcar, grandes quantidades de carboidratos simples, cafeína e álcool.
  • Substitua esses alimentos que consomem energia por proteínas, vegetais, gorduras saudáveis, como ácidos graxos ômega-3 e alimentos de coco, e outros alimentos integrais que compõem uma dieta curativa.
  • Você também pode tentar incorporar exercícios, técnicas de relaxamento e óleos essenciais em sua rotina diária. Os óleos essenciais, por exemplo, são uma maneira totalmente natural e econômica de melhorar o humor.
  • Experimente óleos essenciais como rosa, bergamota, lavanda, camomila romana e ylang ylang, que comprovadamente ajudam a elevar o humor de muitas pessoas que sofrem de depressão e ansiedade.

4 – Anemia

A anemia é uma condição em que uma pessoa tem um nível abaixo do normal de glóbulos vermelhos. A anemia está relacionada a uma baixa oferta de oxigênio atingindo células e tecidos por todo o corpo.

Os sintomas da anemia incluem:

  • sentindo que você está sempre cansado, apesar de quanto você dorme, ossos e músculos fracos, problemas para se exercitar e dificuldade para se concentrar.

E em casos extremos cansaço, desmaio, falta de ar, ataque cardíaco, angina, disfunção do baço, problemas digestivos e amarelamento da pele também podem aparecer.

A anemia ocorre quando há um problema com os glóbulos vermelhos que produzem hemoglobina, uma proteína que transporta oxigênio por todo o corpo, especialmente para o cérebro, onde é muito necessário.

Está relacionado a níveis insuficientes de ferro no sangue, além de baixos níveis de vitamina B12 e folato.

A anemia também pode ser causada por uma perda de sangue ou uma dieta muito pobre nesses nutrientes essenciais e, assim, dificultar a capacidade do corpo de produzir hemoglobina suficiente.

De acordo com o Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais, “Se você tem anemia, seu corpo não obtém sangue rico em oxigênio suficiente. Como resultado, você pode se sentir cansado ou fraco. Você também pode ter outros sintomas, como falta de ar, tontura ou dores de cabeça.” (3).

Remédios naturais para anemia:

Os sintomas da anemia podem ser bastante reduzidos melhorando sua dieta e incluindo muitos alimentos ricos em ferro, vitamina B12 e ácido fólico. Esses incluem:

  • Fígado (de carne bovina, frango, etc.) que é extremamente rico em ferro e vitaminas do complexo B.
  • Levedura de cerveja, ou levedura nutricional, que é carregada com vitaminas B e tem gosto de queijo, mas na verdade é totalmente livre de laticínios.
  • Alimentos ricos em vitamina C que ajudam na absorção de ferro, como frutas cítricas e vegetais crucíferos como brócolis ou couve-flor.
  • Vegetais de folhas verdes que possuem uma quantidade significativa de ferro e ácido fólico.

De modo geral, obter bons hábitos é a verdadeira solução para manter os níveis de energia elevados e evitar estar sempre cansado.

Segundo Maxwell Maltz, 21 dias é o tempo necessário para que nós consigamos criar um novo hábito! 

Se você quer ter minha ajuda por 21 dias para criar um novo hábito e consumir mais alimentos saudáveis e energéticos, conheça o D21!

Abraços e fique com Deus,

Dr. Juliano Pimentel




Anúncio

Sobre o autor

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Fale com nosso consultor!