close
Ser Pleno

Conexão corpo e mente – Como suas emoções afetam sua saúde

Pessoas que têm boa saúde emocional estão conscientes de seus pensamentos, sentimentos e comportamentos. Elas aprenderam maneiras saudáveis ​​de lidar com o estresse e os problemas que fazem parte normal da vida, ou seja, aproveitam os benefícios da conexão corpo e mente.

Afinal, se sentem bem consigo mesmos e têm relacionamentos saudáveis.

No entanto, muitas coisas que acontecem em sua vida podem atrapalhar sua saúde emocional. E quando isso acontece, corpo e mente ficarão desalinhados.

Aliás, isso pode levar a fortes sentimentos de tristeza, estresse ou ansiedade. Afinal, mesmo mudanças boas e desejadas podem ser tão estressantes quanto mudanças indesejadas. Essas coisas incluem:

  • Ser despedido ou mudar de trabalho
  • Ter um filho saindo ou voltando para casa
  • Lidar com a morte de um ente querido
  • Se divorciar ou casar
  • Sofre de uma doença ou lesão
  • Conseguir uma promoção de emprego
  • Experimentar problemas de dinheiro
  • Mudar para uma nova casa
  • Ter ou adotar um bebê.

Fato é que seu corpo responde à maneira como você pensa, sente e age. Esse é um tipo de “conexão corpo e mente”. Quando você está estressado, ansioso ou chateado, seu corpo reage de uma maneira que pode lhe dizer que algo não está certo.

Você pode, por exemplo, desenvolver pressão alta  ou úlcera no estômago após um evento particularmente estressante, como a morte de um ente querido.

Caminho para melhorar a saúde e a conexão corpo e mente

Existem maneiras de melhorar sua saúde emocional e assim, evitar problemas no corpo devido a conexão corpo e mente. Primeiro, tente reconhecer suas emoções e entender por que você as está sentindo.

Ou seja, classificar as causas da tristeza, estresse e ansiedade em sua vida pode te ajudar a gerenciar sua saúde emocional.

Estresse e ansiedade podem prejudicar corpo e mente

Se você quer realmente melhorar sua conexão corpo e mente participe do meu grupo no Telegram. Lá você tem acesso a materiais exclusivos e muita motivação para se tornar cada dia melhor. Clique aqui para participar!

Expresse seus sentimentos de maneira apropriada.

Se sentimentos de estresse, tristeza ou ansiedade estão causando problemas físicos, manter esses sentimentos por dentro pode fazer você se sentir pior.

Não há problema em deixar seus familiares ou amigos saberem quando algo está incomodando você. No entanto, lembre-se de que sua família e amigos nem sempre podem te ajudar a lidar adequadamente com seus sentimentos.

Por isso, em momentos assim, peça ajuda a alguém fora da situação. Tente pedir conselhos a um terapeuta, conselheiro ou consultor religioso para ajudá-lo a melhorar sua saúde emocional.

Viva uma vida equilibrada.

Concentre-se nas coisas pelas quais você é grato em sua vida. Para isso, tente não ficar obcecado com os problemas no trabalho, na escola ou em casa que levam a sentimentos negativos.

Isso não significa que você tem que fingir ser feliz quando se sente estressado, ansioso ou chateado. Por isso, é importante lidar com esses sentimentos negativos, mas tente se concentrar também nas coisas positivas da sua vida.

Você pode usar um diário para acompanhar coisas que o fazem se sentir feliz ou em paz. Alias, algumas pesquisas mostraram que ter uma perspectiva positiva pode melhorar sua qualidade de vida e impulsionar sua saúde.

Por fim, você também pode precisar encontrar maneiras de abandonar algumas coisas em sua vida que o fazem se sentir estressado e oprimido. Ou seja, arranje tempo para as coisas que você gosta.

Desenvolver resiliência.

Pessoas com resiliência são capazes de lidar com o estresse de maneira saudável. E o melhor é que a resiliência pode ser aprendida e fortalecida com diferentes estratégias.

Isso inclui ter apoio social, bem como manter uma visão positiva de si mesmo, aceitar mudanças e manter as coisas em perspectiva. Um conselheiro ou terapeuta pode te ajudar a atingir esse objetivo com terapia comportamental cognitiva (TCC).

Acalme sua mente e corpo.

Métodos de relaxamento, como meditação, ouvir música, bem como ouvir trilhas de imagens guiadas, ioga e Tai Chi, são maneiras úteis de equilibrar suas emoções. Além disso, vídeos de imagens guiadas gratuitas também estão disponíveis no YouTube.

A meditação é uma forma de pensamento guiado e pode assumir várias formas. Você pode fazer isso, por exemplo exercitando, alongando ou respirando profundamente.

Se cuida.

Para ter uma boa saúde emocional, é importante cuidar do seu corpo, tendo uma rotina regular para fazer refeições saudáveis, dormir o suficiente e se exercitar para aliviar a tensão reprimida.

Evite comer demais e não abuse de drogas ou álcool, o uso de drogas ou álcool apenas causa outros problemas, como problemas familiares e de saúde.

Coisas a considerar sobre corpo e mente

As vias neurológicas conectam partes do cérebro que processam emoções com a medula espinhal, músculos, sistema cardiovascular e trato digestivo . Isso permite que eventos importantes da vida, estressores ou emoções desencadeiem sintomas físicos.

Você pode ter experimentado esse aspecto da conexão mente-corpo quando sente borboletas no estômago quando se sente nervoso ou quando seu coração parece estar batendo forte no peito quando está sob intenso estresse.

Corpo e mente

Esses sistemas que se cruzam ajudam a estabelecer a conexão corpo e mente que influencia a manutenção da saúde ou o desenvolvimento de doenças. Por exemplo, emoções como a ansiedade podem desencadear aumento dos hormônios do estresse, que podem suprimir o sistema imunológico e preparar o terreno para o desenvolvimento de infecções ou câncer.

A saúde emocional ruim pode enfraquecer o sistema imunológico do seu corpo, isso aumenta a probabilidade de resfriados e outras infecções em momentos emocionalmente difíceis. Além disso, quando você estiver estressado, ansioso ou chateado, talvez não cuide da sua saúde como deveria.

Sinais de problemas de saúde emocional incluem:

Por que meu médico precisa saber sobre minhas emoções?

Você pode não estar acostumado a conversar com seu médico sobre seus sentimentos ou problemas em sua vida pessoal. Mas lembre-se, ele ou ela nem sempre pode dizer que você está se sentindo estressado, ansioso ou chateado só de olhar para você. Por isso, é importante ser honesto com o seu médico se você estiver tendo esses sentimentos.

Primeiro, ele ou ela precisará garantir que outros problemas de saúde não estejam causando seus sintomas físicos. Se seus sintomas não forem causados ​​por outros problemas de saúde, você e seu médico poderão solucionar as causas emocionais de seus sintomas.

Seu médico pode sugerir maneiras de tratar seus sintomas físicos enquanto você trabalha em conjunto para melhorar sua saúde emocional.

Se seus sentimentos negativos não desaparecem e são tão fortes que o impedem de aproveitar a vida, é especialmente importante que você converse com seu médico.

Outra dica é você conferir meu treinamento D7D. É um treinamento em que usamos o detox para melhorar todos os aspectos da sua vida.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentaçãoantioxidantescâncercarboidratoscorpodepressãodestaquediabetesdiabetes tipo 2dietadr. juliano pimentelemoçõesestresseglúteninflamaçãomenteóleo de cocoômega-3perda de pesoperder pesosaúdesistema imunológicovitaminas

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta