close
ArtigosDores

Problemas No Fígado: Conheça os 8 Principais Sintomas

Dr Juliano Pimentel

O fígado é um órgão, localizado à direita da cavidade abdominal, responsável por diversas funções vitais e funcionamento correto do nosso organismo. Manter a sua saúde é essencial para manter a vida, pois ele mantém o corpo livre de toxinas além de possuir outras funções importantes. Por isso, é indispensável ficar atento aos sintomas de problemas no fígado.

O fígado pode ser acometido por várias doenças distintas, entre as mais comuns podemos citar as hepatites, cirrose, esteatose (fígado gordo) e câncer. Muitas das doenças hepáticas (doenças do fígado) compartilham sintomas em comum, pois apesar de terem origens distintas, acabam comprometendo as mesmas funções do órgão.

Devemos nos lembrar que o fígado tem basicamente três funções: a de depurar nosso sangue, eliminando toxinas e células que se tornaram inúteis; a de ajudar a sintetizar os carboidratos e lipídeos, o que terá total influência sobre a capacidade do organismo de evitar hemorragias; e a de armazenar substâncias tais como a vitamina A, D, K e E, básicas para fornecer energia ao corpo (1).

Neste artigo eu irei abordar quais são os principais sintomas que indicam problemas no fígado. Mas, é claro, que o diagnóstico só pode ser feito pelo seu médico.

Não deixe de ler e compartilhar.

Problemas no Fígado e os Sintomas

Os primeiros sinais e sintomas que indicam problemas no fígado, são a dor abdominal no lado direito e também o inchaço da barriga. Além desses sintomas, a sua pele e olhos podem ganhar uma cor amarelada e sua urina pode ficar mais escura.

Algumas das causas mais comuns de problemas no fígado são o excesso de gordura acumulada no órgão, que ocorre principalmente em pessoas com excesso de peso ou que não praticam atividade física; o excesso de álcool; o uso abusivo de medicamentos e doenças como hepatite, cirrose, ascite, esquistossomose e hipertensão portal (2).

Entenda quais são os principais indicadores de que há algum problema com o seu fígado:

  1. Enjoo
enjoo-no-navio
Problemas no fígado: Um dos sintomas é o enjoo

É sintoma mais evidente de problema no fígado. Geralmente, a pessoa se sente mal após as refeições, o estômago pesa, seguido por náuseas, enjoos, podendo culminar em vômito.

No entanto, esse sintoma pode estar associado a vários problemas e não precisamente a um problema hepático. Mas, se forem repetitivos, o ideal é procurar um médico com urgência.

  1. Dor na Parte Superior do Abdômen

A dor no fígado é sentida na parte superior do abdômen, justamente abaixo das costelas, e se estende para as costas, causando, por vezes, inchaço abdominal. É possível que este sintoma cause também febre, e o seu médico deverá ser consultado.

  1. Cor Amarelada

A icterícia se apresenta como uma descoloração da pele para um tom amarelado, que se manifesta tanto no rosto e nos olhos quanto no resto do corpo. Isto acontece pelo excesso de bilirrubina (bílis) em nosso organismo e no sangue, causado pelo problema no fígado.

Este é um dos sintomas iniciais, que associado principalmente a uma hepatite contagiosa.

  1. Cansaço
cansaco
Problemas no fígado: Incluem Sintomas como cansaço e falta de apetite

Quando sofremos um problema no fígado, é comum nos sentirmos mais cansados, sem energia e sem muito apetite. Por isso, quando estes sintomas se tornam contínuos, ou seja, quando o estado de falta de apetite e fadiga é constante, é preciso desconfiar de um problema mais grave, e procurar um médico.

  1. Febre

A febre é um sinal de inflamação ou infecção, que pode sim estar relacionada à problemas no fígado. Nesse caso, é muito importante não ignorar os sintomas.

  1. Fezes claras

Se você apresenta algum dos sintomas já citados, observe a cor de suas fezes quando for ao banheiro. Se apresentarem uma cor clara, é possível associar todos os demais sintomas a um problema de fígado, ou, ao cólon irritável que indiretamente está associado a problemas hepáticos.

  1. Coceira
mulher-cocando-o-pescoco-coceira-alergia-1363354548419_1024x768
Coceira pode indicar um problema no fígado

Este sintoma surge devido ao acúmulo de bílis debaixo da pele.

O corpo começa a coçar e sentimos muito incômodo, já que o sangue reage ao acúmulo de toxinas que o fígado não foi capaz de filtrar.

  1. Sangramentos

O sangramento é um sintoma menos usual, mas que também pode estar associado a um problema hepático.

Sangrar muito e frequentemente pelo nariz, ou o aparecimento de hematomas pelo corpo, podem estar relacionados a uma deficiência de proteínas devido ao mau funcionamento do fígado. É preciso considerar tais sintomas e procurar um médico.

Há ainda outros sinais e sintomas que podem indicar problemas no fígado, como:

  •         Tontura;
  •         Dor de cabeça;
  •         Boca seca ou Gosto amargo na boca;
  •         Suor Excessivo;
  •         Constipação;
  •         Diarreia;
  •         Ganho de peso excessivo;
  •         Perda de peso sem motivo aparente;
  •         Dificuldade de concentração
  •         Diminuição das plaquetas do sangue.

Diante da presença destes sintomas, é importante procurar o médico para investigar a causa do problema e iniciar o tratamento adequado.

Causas de Problemas No Fígado

Veja quais são as principais causas de problema no fígado e fique atento (3):

>> Infecção

As infecções no fígado são causadas por parasitas e vírus, que podem ser transmitidos por alimentos contaminados, água, sangue, sêmen, entre outras formas de contaminação. Os vírus mais comuns são da hepatite, que podem se manifestar de três formas: Hepatite A, B ou C.

>> Doenças autoimunes

Doenças autoimunes também costumam afetar o fígado, como a cirrose biliar primária e Colangite esclerosante primária.

>> Genética

O problema no fígado também pode ser hereditário. Doenças hepáticas consideradas genéticas são: Hemocromatose, Hyperoxaluria e a doença de Wilson.

Há também outros fatores que podem aumentar o risco de doenças no fígado:

  •         Abuso de álcool;
  •         Uso de drogas injetáveis;
  •         Relações sexuais desprotegidas;
  •         Exposição a certos produtos químicos e toxinas;
  •         Diabetes;
  •         Obesidade;
  •         Níveis de triglicérides alto no sangue;
  •         Ingestão contínua de remédios.

Fique atento às causas e procure sempre orientação médica.

Como Prevenir Problemas no Fígado?

Algumas atitudes simples podem ajudar a prevenir os problemas que acometem o fígado:

  •         Beba álcool com moderação;
  •         Evite comportamentos de risco;
  •         Use preservativo;
  •         Vacine-se contra a hepatite;
  •         Tenha cuidado ao manusear ou aspirar produtos como inseticidas, tintas e produto químicos considerados tóxicos;
  •         Proteja a sua pele contra produtos químicos, use sempre luvas e materiais que ajudem na segurança;
  •         Mantenha uma vida saudável, a prática de exercícios físicos junto com uma alimentação saudável são a chave para um peso ideal. O aumento do peso e a obesidade podem causar doenças hepáticas.

Tratamento de Problemas no Fígado

O tratamento indicado pelo seu médico irá depender das causas da doença no fígado, mas os casos mais leves são tratados apenas com alterações na sua alimentação.

No entanto, nas situações mais graves, tomar remédios também pode ser necessário para diminuir a inflamação, o colesterol, a glicemia e outros fatores que afetam o fígado (4).

Em todo caso, complemente o tratamento com mudanças na dieta e hábitos de vida saudável.

Em caso de problemas no fígado, recomenda-se beber pelo menos 2 litros de água por dia e consumir alimentos de verdade e de fácil digestão, como peixes, carnes brancas, frutas, legumes e sucos naturais.

Além disso, deve-se preferir preparações cozidas, assadas ou grelhadas, evitando frituras, refrigerantes, biscoitos recheados, manteiga, doces, alimentos congelados e industrializados em geral, sendo também importante evitar o consumo de qualquer tipo de bebidas alcoólicas.

Lembrando que o gastroenterologista é o médico especialista mais indicado para o tratamento das doenças do fígado, e ele deve ser consultado se os sintomas persistirem, mesmo após as alterações na dieta.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:

Você pode Gostar

Tags : asciteaumento do pesobebidas alcoólicascirroseconstipaçãodestaquediabetesdietadoenças do fígadodoenças hepáticasdor abdominal no lado direitodor no fígadodr. juliano pimentelesquistossomoseFebrefígadoGanho de peso excessivogastroenterologistahábitos de vida saudávelhematomashepatite ahipertensão portalicteríciainchaço abdominalNíveis de triglicéridesobesidadeparasitaspreservativoproblemas no fígadorisco de doenças no fígadosaúdesintomastratamentovírusvitamina a

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

8 Comentários

  1. Tenho hepatite auto imune ha 6 meses, pot conta de uma mendicacao que utilizei para esclerose multipla, estou tomando corticóide e imunossupressor, faz 15 dias que estou na dieta cetogenica, emagreci 3 kilos e desinchei bastante , mais tenho medo de a gordura fos alimentos que estou me alimentando possam me prejidicar, o que faço continuo a dieta só retiroa gordura ou paro com essa dieta .
    Obrigada

  2. Muito bem explicado ,mais estou com ferretina alta 1275 e nada da mastologista descobrir a causa já estou ficando nervosa .tenho medo que possa ser perigoso pois já perdi a maior parte dos meus cabelos

Enviar Resposta