https://casinoonlineca.ca/internet-casinos/best-payout/
close

O metilfolato é a forma ativa do ácido fólico essencial para todos nós em qualquer momento da vida e principalmente para gestantes. 

É muito comum mulheres grávidas e aquelas que estão querendo engravidar iniciar a suplementação com ácido fólico ou metilfolato. 

Afinal, a vitamina B9 é determinante para a formação do bebê. Além disso, a suplementação evita defeitos congênitos e complicações na gravidez. Um dos usos mais comuns de suplementos de ácido fólico e metilfolato é especificamente defeitos do tubo neural. Incluindo espinha bífida e anencefalia, ou seja, quando um bebê nasce sem partes do cérebro ou do crânio (1).

Mas, não é só sobre gestação. A vitamina B9 é conhecida como a vitamina da juventude. Afinal, ela é essencial para que haja a divisão e renovação das células. 

Vitamina B9, Ácido Fólico e Metilfolato qual a diferença?

Metilfolato beneficia mulheres grávidas e de todas as idades

Até agora, foram usados três termos para referir à mesma vitamina. Afinal, qual a diferença entre vitamina B9, Ácido Fólico e Metilfolato?

O ácido fólico é a forma  forma sintética da vitamina B9. Ou seja, são apenas denominações diferentes para a mesma vitamina. O ácido fólico é normalmente encontrado em muitos multivitamínicos, alimentos fortificados e certos produtos farmacêuticos. 

Já o metilfolato é a forma natural e metabolicamente ativa da vitamina B9. O metilfolato está naturalmente presente em uma ampla variedade de alimentos. Fígado, vegetais de folhas verdes escuras, abacates, legumes e aspargos, são os principais. 

Qual a diferença real entre eles?

Na verdade, nosso corpo precisa do Metilfolato. Quando você ingere suplementos ou alimentos ricos em vitamina B9 seu corpo precisa transformar esse ácido fólico em metilfolato

A enzima que faz essa transformação é a metilenotetrahidrofolato redutase. Ou seja, seu organismo só absorve os benefícios da vitamina após a transformação em metilfolato. 

O grande problema, porém, é que cerca de 30% da população tem problemas nesta enzima. Ou seja, mesmo a pessoa consumindo fontes alimentares e suplementando com vitamina B9, ainda assim, elas têm deficiência. Afinal, a enzima responsável por toda essa transformação não cumpre seu papel. 

Por esse motivo, muitas pessoas associam a suplementação de vitamina B9 com o desenvolvimento de câncer, trombose e até problemas cardíacos. Mas, como você pode observar o problema não é a vitamina em si, mas o não funcionamento da enzima. 

Como solução, cada vez mais os médicos têm indicado o metilfolato. Ou seja, a forma já ativa da vitamina. Assim, a gente pula o processo de transformação, e a pessoa tendo ou não problemas na enzima, o organismo consegue absorver.

O ácido fólico não metabolizado é prejudicial?

Níveis elevados de ácido fólico não metabolizado podem ter efeitos adversos à saúde, incluindo:

  • Aumento do risco de câncer. Altos níveis de ácido fólico não metabolizado foram associados ao aumento do risco de câncer. No entanto, nenhuma evidência prova que o ácido fólico não metabolizado desempenha um papel direto (234).
  • Deficiência de B12 não detectada. Entre os idosos, níveis elevados de ácido fólico podem mascarar a deficiência de vitamina B12. A deficiência de vitamina B12 não tratada pode aumentar o risco de demência e prejudicar a função nervosa (56).

Metilfolato garante os benefícios para seu organismo

Fontes naturais de metilfolato

O metilfolato funciona como uma coenzima. Ou seja, ajuda outras enzimas no corpo a realizar tarefas importantes. 

O metilfolato ajuda seu corpo, por exemplo, a converter um composto chamado homocisteína em um aminoácido essencial chamado metionina.

Sem metilfolato suficiente, a homocisteína aumentará. O problema é que níveis elevados de homocisteína foram associados à infertilidade e abortos espontâneos recorrentes em alguns estudos. Na verdade, altos níveis de homocisteína foram encontrados em 25% das mulheres com abortos espontâneos precoces (7). Se você tem SOP, por exemplo, também têm maior probabilidade de apresentar níveis elevados de homocisteína (8). 

Entre outras coisas, o metilfolato também é essencial para a produção de glóbulos vermelhos e brancos. Bem como para a produção de heme, a molécula rica em ferro ligada aos glóbulos vermelhos. É por isso que a deficiência de folato pode levar à anemia megaloblástica. 

O metilfolato é crucial para a saúde da mulher. Afinal, ajuda na degradação dos hormônios, auxilia na desintoxicação, afeta o humor, promove uma gravidez saudável e muito mais.

As melhores fonte de metilfolato

Com certeza, a melhor maneira de obter vitamina B9 é através dos alimentos vegetais. Alimentos ricos em folato incluem aspargos, abacates, fígado, couve e folhas verdes como espinafre e alface.

Além das fontes naturais, você pode comprar o suplemento. Para isso, ao invés de comprar vitamina B9 ou ácido fólico, compre o metilfolato. Ou seja, o formato já metabolizado da vitamina.

Assim, você terá vai ajudar seu corpo de muitas maneiras.

Benefícios práticos

Está em nosso DNA: o folato ajuda a formar o DNA. Que orienta a formação e o funcionamento de nossas células. O corpo substitui todas as células do intestino delgado a cada cinco dias. Isso atinge cerca de 17 bilhões de novas células, ou seja, seis vezes por mês (9). Por isso, é conhecida como a vitamina da juventude.

Ajuda as células a se elevarem: você não pode ter um glóbulo vermelho sem folato. Afinal, ele é necessário para produzi-los. Os glóbulos vermelhos são fundamentais para produzir energia para correr e praticar esportes. 

É comida para a cabeça e o coração: o folato é necessário para o desenvolvimento e o funcionamento do cérebro. As evidências também sugerem que pode reduzir o risco de doenças cardíacas. Por último, é necessário para os sistemas nervoso, digestivo e imunológico saudáveis (10).

Você já percebeu que a alimentação de boas fontes de folato e se suplementação são essenciais. Procure um médico, ele pode te orientar a fazer as melhores escolhas. 

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

 

🔴 Curta também as redes sociais! 📷Instagram / 👍Facebook / 🎥 YouTube

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : ácido fólicometilfolatoVitamina B9

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta

7 saúdes com Dr. Juliano Pimentel