close
Metabolismo

Jejum Intermitente: Guia Para Iniciantes

O jejum intermitente é atualmente uma das tendências de saúde e atrai muitas pessoas da área fitness. Isso acontece, devido aos benefícios que ele pode trazer. As pessoas se utilizam desta técnica para perder peso, melhorar a saúde e simplificar o seu estilo de vida saudável.

Muitos estudos indicam que o jejum pode ter efeitos poderosos sobre seu corpo e cérebro, e pode até mesmo ajudar viver mais e com mais qualidade de vida.

Nas minhas redes sociais eu costumo falar bastante sobre o Jejum Intermitente, mas muitas pessoas ainda me procuram com dúvidas. Por isso, fiz este o guia para os iniciantes.

Não deixe de ler e compartilhar.

Jejum Intermitente

O jejum intermitente (JI) é um termo usada para nomear um padrão alimentar que se alterna entre períodos de jejum e alimentação.

Os métodos de jejum intermitentes comuns envolvem jejuns diários de 16 horas, ou jejum por 24 horas, duas vezes por semana (1).

cardapio jejum intermitente
Jejum intermitente alterna períodos de alimentação e jejum. Imagem: (Divulgação)

Muitos ainda temem jejuar, mas essa técnica é na verdade bastante natural.

Basta pensar, os seres humanos fizeram jejum durante a evolução. Às vezes era feito por falta de comida, por questões religiosas, como o Islamismo, o Cristianismo e o Budismo (2).

Quando você reflete sobre o assunto, entende que nossos antepassados não tinham supermercados, geladeiras ou alimentos disponíveis durante todo o ano.

Às vezes eles não conseguiam encontrar nada para comer. E nossos corpos evoluíram para poder funcionar sem comida por longos períodos de tempo. Ou seja, jejum soa bem mais natural do que comer de 3 em 3 horas.

Nós já fazemos jejum durante o sono. Então, o jejum intermitente pode ser tão simples quanto prolongar esse jejum um pouco mais.

Você pode fazer isso pulando o café da manhã, comendo sua primeira refeição ao meio-dia e sua última refeição às 20:00.

Fazendo isso, você faz jejum por 16 horas todos os dias e restringe a sua alimentação a uma janela alimentar de 8 horas (período do dia em que você pode comer).

Esta é a forma mais popular e simples de jejum intermitente, conhecido como o método 16/8.

Nenhum alimento é permitido durante o período de jejum, mas você pode beber água, café, chá e outras bebidas naturais não calóricas (sem adicionar açúcar ou adoçantes, é claro).

Leia também: Mitos sobre o Jejum Intermitente

Como funciona o Jejum Intermitente?

Todos os tipos de processos no nosso organismo mudam quando não comemos por um tempo. Isso acontece, para ajudar o corpo no funcionamento dos órgãos e regeneração dele.

Esse processo tem a ver com os hormônios, bem como, genes e importantes processos de reparação celular.

Vídeo: JEJUM INTERMITENTE SEM MISTÉRIOS

Ao jejuar, os nossos níveis de açúcar no sangue caem significativamente e com isso a insulina também cai. Há ainda o aumento na quantidade do Hormônio do Crescimento (HGH).

Muitas pessoas fazem jejum intermitente para perder peso, pois é uma maneira muito simples e eficaz de restringir calorias e queimar gordura (3).

Algumas pesquisas também sugerem que o jejum intermitente pode ajudar a proteger contra doenças, incluindo doenças cardíacas.

Em resumo, o jejum intermitente é eficaz e torna a sua vida mais simples, ao mesmo tempo em que melhora a sua saúde.

Afinal, quanto menos refeições você precisa planejar, mais simples será a sua rotina. Além do mais, não ter que comer de 3 a quatro vezes (ou mais) por dia também economiza tempo.

Mas não se esqueça que para ter efeitos positivos, você deve se alimentar corretamente durante as janelas alimentares.

Além disso, prefira sempre alimentos de verdade, como carnes, frutas e verduras. Esqueça de vez os alimentos industrializados, açucarados e processados.

Por último, pessoas com problema de saúde, ou que sentem dificuldade em jejuar devem sempre procurar orientação médica antes de iniciar a prática.

 

Cardápio Jejum Intermitente

Um dos momentos mais importantes do Jejum Intermitente é a quebra dele, nesse caso, nosso corpo sente necessidade de nutrientes a cada 26h que se passa, para que você mantenha seu jejum mas se nutri de forma saudável, o certo é alimentar-se de maneira que você selecione os alimentos e que tenha grupos nutricionais diferentes em seu prato. Na hora de montar, escolha por frutas, verduras, carboidratos com baixo índice glicêmico, proteína animal e gorduras boas:

Grupo 1: frutas (fibras, vitaminas e antioxidantes)

Grupo 2: verduras (fibras, vitaminas e antioxidantes)

Grupo 3: aveia, quinoa, arroz integral, fubá (carboidratos)

Grupo 4: ervilha, lentilha, feijão, grão de bico, carne de boi, frango e porco (proteínas e ferro)

Grupo 5: ovo caipira ou iogurte natural, queijos maturados (proteínas e cálcio)

Grupo 6: azeite de oliva extra virgem ou algumas castanha (gorduras boas)

Para hidratar-se você pode optar por chá pois além da hidratação em si, os chás tem funções de limpar nosso organismo e o principal para o jejum, ajuda na queima de gordura localizada. Os chás podem ser tomados a todo instante, visto que o jejum só é quebrado em caso de consumo de carboidrato, proteína, gordura.

Vídeo: Jejum Intermitente! 12h 14h 16h 18h

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentos industrializadoscafé da manhãdr. juliano pimentele-bookfitnessHormônio do Crescimentojejuarjejumjejum intermitenteQueimar Gordurareparação celularsaúde

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

10 Comentários

  1. Suas dicas Dr são maravilhosas eu já fazia JI mais nao sabia. Como sou evangélica fazemos muito e é muito bom. Você está de parabéns que Deus continui lhe abençoando

  2. Achei vc pelo YouTube,procurando por JI. Amei seus vídeos e matérias ,muito bem explicado. Tirou todas as minha dúvidas sobre esse processo de emagrecimento. E de todas as dietas que já li e que já tentei fazer ,essa é a mais simples,pelo fato de eu não sentir fone dura te a manhã e assim me alimento 13:00 e mantenho no líquido até a janta… Método perfeito para mim…. E eu achava sim que fazia mau a saúde,to de bica aberta o quão bem faz. Tomo café sem açúcar já à um tempo e não sou chegada a doces,oque me ajuda e muito.Agora falta acostumar com os chás. Te desejo muito sucesso e gratidão por vc compartilhar todo esse conhecimento conosco. Ganhou uma fã!

  3. Quando vira rotina o jejum 16/8, nosso organismo não ira se adaptar e armazenar mais energia ( gorduras)? Pois e isto que se ensina em biologia. Se esse for o caso , o melhor seria não seguir um padrão e jejuar durante 24 horas.

Enviar Resposta