close
Alimentação

Refluxo Gastroesofágico: O que Comer e o que Rejeitar

Dr Juliano Pimentel

Nem todas as pessoas sabem que sofrem com um problema digestivo doloroso e desconfortável, como o refluxo gastroesofágico. Mas dar atenção á esse problema de saúde, e as alimentos que você consome, é de extrema importância. 

Mais de um terço da população sofre de algum tipo de sintoma, desordem ou doença digestiva recorrente e dolorosa, que  incluem hemorragias, Doença de Crohn, intolerância ao glúten ou doença celíaca, azia ou refluxo ácido (1).

Muitas outras doenças crônicas, incluindo algumas que são causadas principalmente por um sistema imunológico enfraquecido, também estão ligadas à má saúde digestiva.

O refluxo gastroesofágico causa sintomas como dores no peito, sensações ardentes que podem piorar à noite e perturbar o seu sono, e dificuldade em comer muitos alimentos.

Se você sentir qualquer um desses sintomas de refluxo ácido e quiser encontrar algum alívio, você deve melhorar sua dieta e fazer mudanças necessárias de estilo de vida.

Neste artigo, eu irei explicar melhor como deve ser a dieta de quem tem refluxo gástrico.

Não deixe de ler e compartilhar.

Refluxo Gastroesofágico: Saiba o que é

Refluxo gastroesofágico é causado por sucos digestivos ácidos que sobem pelo estômago e entram de volta para o esôfago, causando a sensação de queimação.

Cerca de 4-10% de todos os adultos experimentam sintomas típicos de refluxo gastroesofágico diariamente (2).

Estes problemas não serão curados do dia para a noite com mudanças na dieta ou outras modificações, mas você pode encontrar alívio significativo mantendo uma alimentação mais saudável.

Outras modificações que você pode tentar para melhorar os sintomas são acupuntura, yoga, exercícios físicos e perda de peso.

Refluxo Gastroesofágico e os Sintomas

Para a maioria das pessoas com refluxo ácido, os sintomas incluem:

  • Dor no peito e sensação de ardor;
  • Gosto amargo na boca;
  • Problemas para dormir;
  • Boca seca;
  • Irritação das gengivas;
  • Mau hálito;
  • Gases e inchaço após as refeições;
  • Náuseas;
  • Perda de apetite.

Outros sintomas podem aparecer dependendo da inflamação do esôfago (3).

Esses distúrbios digestivos se desenvolvem por diferentes razões, mas as principais causas de refluxo gastroesofágico incluem (4, 5):

  • Comer alimentos muito rápido, sem mastigar adequadamente;
  • Comer demais;
  • Obesidade e excesso de peso;
  • Idade mais avançada, que afeta a produção de ácido;
  • Histórico de hérnias hiatais;
  • Gravidez;
  • Consumir certos alimentos que tendem a agravar o sistema digestivo, incluindo alimentos processados, lanches açucarados, óleos refinados;
  • Altas quantidades de estresse crônico;
  • Deficiências em nutrientes;
  • Fumar;
  • Bebidas alcoólicas;
  • Excesso de café.

Dieta Para Quem Sofre de Refluxo Gastroesofágico

vinagre
O vinagre de maçã ajuda a melhorar os sintomas de refluxo ácido

Praticamente todos os estudos feitos sobre refluxo ácido apontam que uma dieta pobre em nutrientes e rica em alimentos processados é um fator contribuinte para o problema.

Além disso, é fácil comer em excesso alimentos processados.

Todos nós reagimos aos alimentos de maneira diferente, mas existem sensibilidades alimentares comuns que parecem provocar refluxo ácido em muitas pessoas (6).

Para uma boa saúde digestiva e alívio da dor, é importante selecionar alimentos orgânicos.

Aumentar a ingestão de fibras, apoiar bactérias saudáveis com alimentos ricos em probióticos, reduzir os grãos e comer proteína de alta qualidade também ajuda a proteger o trato digestivo.

Além disso, essas mudanças em sua dieta reduzem fatores de risco como inflamação, obesidade e complicações ligadas a doenças crônicas graves.

Aqui estão os alimentos que podem ajudar a melhorar o refluxo ácido:

>> Kefir e iogurte: ajuda a equilibrar as bactérias saudáveis no estômago, melhorando a digestão e acalmando o trato digestivo.

>> Caldo de osso: melhora a digestão e possui compostos essenciais, incluindo colágeno, glutamina, prolina e glicina.

>> Vinagre de maçã: ajuda a equilibrar ácido do estômago e diminuir os sintomas de refluxo ácido.

>> Água de coco: é rica em potássio e eletrólitos que ajudam a manter o corpo hidratado.

O óleo de coco é uma grande fonte de gordura saudável que também é antiinflamatório.

>> Vegetais de folhas verdes;

>> Alcachofras;

>> Aspargos;

>> Pepinos;

>> Abóbora;

>> Atum e salmão;

>> Gorduras saudáveis, incluindo óleo de coco

>> Amêndoas.

De maneira geral, foque a sua dieta em alimentos de verdade e evite alimentos processados (7).

Alimentos que você Deve Evitar

Fast Food

Alguns alimentos podem causar refluxo gastroesofágico.

Estes alimentos incluem fast food, queijos processados, chocolate, álcool e cafeína.

Aqui estão os alimentos que você deve evitar para aliviar os sintomas de refluxo ácido:

>> Álcool: O consumo de álcool pode piorar os sintomas do refluxo ácido.

>> Cafeína: Bebidas como café, chá e bebidas energéticas podem irritar um esôfago inflamado.

>> Bebidas gaseificadas: Isso inclui refrigerantes e bebidas energéticas.

>> Açúcar e adoçantes artificiais: Ambos causam inflamação e podem levar ao excesso de comida, comer rápido e ganho de peso.

>> Comidas fritas: Alimentos fritos dificultam a digestão e podem causar refluxo ácido.

>> Alimentos processados feitos com muito sal, milho e batata (8);

>> Chocolate;

>> Lacticínios: Nem toda pessoa tem uma reação negativa aos alimentos lácteos, como iogurte ou queijo, mas alguns sim. Produtos lácteos podem desencadear a liberação de mais ácido do estômago.

>> Óleos vegetais, incluindo óleo de canola: Óleos processados, como alimentos fritos e gordurosos, são encontrados em lotes de lanches embalados que podem desencadear inflamação.

>> Alimentos picantes: Os alimentos picantes são conhecidos por piorar a sensação de queimadura associada com refluxo ácido em alguns pacientes.

>> Grãos processados.

O refluxo gastroesofágico é causado pelo ácido do estômago que chega até o esôfago.

Os sintomas de refluxo ácido geralmente incluem: dores no peito, azia, gosto ruim na boca, inchaço, gases, dificuldade de digestão.

As causas comuns de refluxo ácido incluem: comer uma dieta pobre em nutrientes, comer demais e comer rapidamente, gravidez, histórico de hérnias hiatais, obesidade, idade avançada e um desequilíbrio do ácido do estômago.

Melhorar sua dieta é fundamental para melhorar os sintomas do refluxo gastroesofágico.

Se as dores interferem com seu estilo de vida ou atividades diárias, procure orientação médica.

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

BAIXE AGORA O MEU EBOOK SOBRE A DIETA DUKAN E CONHEÇA TODAS AS VERDADES SOBRE ELA!!!
O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : alimentaçãodestaquedietadr. juliano pimentelrefluxo gastroesofágicosaúdesintomas de refluxo ácido

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta