close
ArtigosFitness

Dieta Militar: Benéfica ou Perigosa?

A dieta militar é recomendada geralmente, para quem quer eliminar peso rapidamente. Mas, não se anime muito, pois ela tem pros e contras que precisam ser levados em consideração.

Ela também ficou conhecida como a dieta de três dias, por conta do seu plano alimentar (três dias de dite e quatro dias de pausa).

Durante essa pausa é necessário um cuidado com a alimentação, mas as restrições são menores do que os três primeiros dias.

Não deixe de ler e compartilhar!

Dieta Militar

A dieta militar tem um cardápio de refeições bem rigoroso. No começo, o consumo se resume a menos de 1.400 calorias diárias. Durante o processo o consumo de água é bem importante. A recomendação é de uma dieta mais restrita por 3 dias seguidos.

Após isso, o consumo de calorias aumenta para 1500. Durante quatro dias você vai comer 100 calorias a mais. Parece pouco, mas na verdade equivale a uma refeição a mais se souber dosar as calorias.

Os adeptos da dieta dizem que a repetição desse ciclo de três/quatro dias de intervalo pode ser feita até que o peso adequado seja atingido.

Antes de começar a dieta faça todos os exames para ter certeza que essa restrição alimentar não vai te afetar em nada. Também é recomendado que você faça um cardápio de 1400 com a orientação de um especialista em nutrição.

Confira a seguir os pros e contras dessa dieta!

Benefícios

Se compararmos com outras dietas, a dieta militar tem alguns benefícios. O curto espaço de tempo de execução é um dos benefícios mais frisados. 

Outro ponto positivo é que se você souber escolher os alimentos certos, a dieta militar é de baixo custo.

Não tem nenhum alimento especial na dieta, apenas há uma contagem de calorias. Além disso, você pode escolher qual alimento colocar no cardápio, deixando a dieta mais adequada ao seu paladar.

A preparação dos alimentos também é simples. Lavar uma salada, cozinhar um ovo, por exemplo, são aspectos simples.

Malefícios

O maior problema da dieta militar é justamente o que é considerado o seu maior benefício: perda de peso rápido. Sem a reeducação alimentar, você acaba ganhando todo o peso que foi perdido (1). 

Ter hábitos saudáveis no dia a dia é o que vai te trazer saúde e um peso ideal. A dieta militar pode ser uma motivação inicial para começar um processo de reeducação alimentar, aonde você precisa eliminar da sua vida os alimentos que não fazem bem ao seu corpo.

Mas, se usar a dieta militar como única estratégia de emagrecimento, quando o ciclo de emagrecimento acabar e for necessário consolidar os números da balança, você terá dificuldade.

Além disso, fazer uma dieta tão carente de nutrientes pode te colocar em uma armadilha nutricional. Exagerar na restrição por muito tempo pode comprometer a imunidade.

Quando radicaliza na dieta perde-se muito líquido em um primeiro momento. No entanto, o importante é perder gordura e manter o organismo bem nutrido. 

Por isso, uma abordagem mais lenta, com equilíbrio na dieta, vai te dar mais saúde e uma eliminação maior de gordura, manutenção de músculos e saúde do sistema imunológico.

Você pode optar pela dieta low carb, por exemplo, que estimula o consumo de alimentos com baixo carboidratos. Evitando os alimentos industrializados, como o açúcar refinado, produtos processados e embutidos.

Outra boa opção que ajudará a emagrecer de forma saudável e ainda proteger o organismo, é por iniciar a reeducação alimentar.

Pratique exercícios físicos regularmente que estimulem a perda de gordura e a aceleração do metabolismo.

 

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:

Você pode Gostar

Tags : dietaDieta Militardr. juliano pimenteleliminar peso rapidamentenutrientessistema imunológico

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta