close
AlimentaçãoDores

Ácido Úrico Alto: Alimentos para Prevenir e Tratar de Forma Natural

O ácido úrico é o resultado da quebra das moléculas de purina, após serem utilizadas no organismo. Dessa maneira, parte ele é eliminado pelos rins e outra parte permanece no sangue, o que pode causar doenças. Por isso é importante dar atenção ao ácido úrico alto e preveni-lo.

O preocupante é que os níveis de ácido úrico no sangue, podem subir devido ao aumento da produção ou por interferência do uso de alguns medicamentos.

A consequência é a formação de cristais que se depositam em vários locais do corpo.

 

Níveis elevados de ácido úrico também aumentam o risco de doenças cardiovasculares.

Uma causa do surgimento do ácido úrico alto, está relacionada ao consumo de alimentos de alta purina.
Neste artigo, apresentarei os alimentos ideais para prevenir e tratar esse problema.

Não deixe de ler e compartilhar.

Ácido Úrico Alto e a Alimentação

Ácido Úrico Alto: Consuma alimentos como a Salsinha. imagem: (Divulgação)

Alguns alimentos ajudam a reduzir e a controlar o ácido úrico alto.

Como os alimentos diuréticos, por exemplo. Os diuréticos naturais e alcalinos são ideais para manter a saúde do corpo.

Entre eles estão: pepino, cenoura, berinjela, fibras, chá verde; alimentos ricos em ômega-3 como nozes, sardinhas e sementes de linho (1).

 

Alimentos como ervilha, lentilha, grão-de-bico, aspargos, espinafre, couve-flor e cogumelos devem ser consumidos com moderação, pois o alto consumo eleva os níveis de ácido úrico no organismo.
Veja os outros alimentos para reduzir o ácido úrico, e conheça as suas propriedades.

Cerejas: possuem propriedades anti-inflamatórias antioxidantes, chamadas de antocianinas; que ajudam a reduzir o ácido úrico alto. Impedem que ele se cristalize e se armazene nas juntas. Elas também neutralizam os ácidos.

Água: tomar água é essencial para controlar os níveis de ácido úrico alto. Ela desintoxica o organismo e mantém funções vitais.

Agrião: possui baixo teor calórico, apenas 22 calorias em cada 100 gramas. Além do poder diurético e atuação na redução do ácido úrico, é considerado uma das principais fontes de vitamina A; ele também possui vitaminas do complexo B e vitamina C.

Salsão e salsinha: tanto o salsão quanto a salsinha aumentam a produção de urina e a excreção de ácido úrico; permitindo que o corpo desintoxique de maneira natural. Ambos também contêm vários tipos de antioxidantes.

Alcachofra: é conhecida pela capacidade em ajudar a melhorar as funções renais. A alcachofra também contém flavonoides, ácido cafeico, vitaminas e minerais; que causam efeito diurético.

Pepino: é excelente diurético natural, devido ao alto teor de água. O pepino também contém silício e enxofre, essenciais para ajudam na eliminação de ácido úrico pelos rins, diminuindo a retenção de líquidos.

Cenoura: além da capacidade de eliminar o ácido úrico, também ajuda a desintoxicar o corpo e a acelerar o metabolismo. É rica em vitaminas, minerais e antioxidantes.

Berinjela: possui alto teor de água, o que ajuda melhorar a circulação. Tem também alto conteúdo de flavonoides, o que permite a considerar como excelente diurético natural, eliminando o ácido úrico do organismo.

Pimentão: o pimentão também é rico em fibra, vitaminas, hidratos de carbono e antioxidantes, sobretudo a vitamina C. Um componente característico é a capsaicina, que tem ação antibiótica, analgésica e estimulante da mucosa gástrica e da vesícula biliar.

 

Tomate: é composto por 90% de água, além de possuir uma grande quantidade de antioxidantes, licopeno, betacaroteno, vitamina C e selênio. Esses nutrientes ajudam a equilibrar os radicais livres, que podem danificar as paredes dos vasos sanguíneos.

Cebola: além de ser um importante diurético natural, a cebola é capaz de prevenir doenças como câncer, diabetes, infecções no intestino e fortalecer o sistema imunológico. A alicina, encontrada na cebola; é um composto sulforoso e responsável pelos benefícios da cebola. Rica em vitamina B.

Alho: o alho age como diurético e oferece efeito de limpeza ao organismo. Por isso, é um excelente redutor de ácido úrico. A forma mais indicada de consumir o produto para tal benefício é em sua forma natural ou em pó.

Maçã: Diurético natural, pois possui alto teor de potássio e vitamina B6. A maça também diminui a acidez do organismo e controla o intestino, eliminando a Síndrome do Intestino Irritável.
Vitamina C: alimentos como a laranja é rica em vitamina C, contém cítrico, tartárico e málico. Também contém sais minerais como potássio, cálcio, fósforo e ferro. Opte pelos alimentos ricos em vitamina C.

Pera: tem poder de eliminar o ácido úrico, pois é uma fruta rica em potássio, magnésio e água. Também possui pectina, o que possibilita o bom funcionamento do intestino e controla o açúcar e o colesterol do sangue.

Melão: é rico em potássio e possui grandes quantidades de água, sendo dessa maneira um importante diurético natural. Contém ainda, propriedades antioxidantes que protegem o corpo de radicais livres.

Melancia: possui alto teor de água e também contém licopeno, um antioxidante que fortalece o corpo; prevenindo-o contra os danos causados por radicais livres. Também é desintoxicante, alcalino e mineralizante, o que contribui para uma boa saúde intestinal.

Mirtilo: é efetivo no tratamento de infecções urinárias, sendo um importante diurético natural. Também apresenta alto poder antibiótico, garantindo excelente funcionamento da bexiga.

Abacaxi: é uma fruta rica em fibras que promove a sensação de saciedade, ajuda a aliviar o inchaço abdominal e a acelerar o trabalho intestinal. Contém também alto teor de nutrientes como magnésio, cálcio, potássio e manganês. É fonte importante de vitaminas A, B e C.

Limão: é um elemento recomendado para diversas situações de saúde, como a hipertensão. Ele é considerado importante diurético natural e possui ação cicatrizante, expectorante, antibactericida e desintoxicante.

A fruta também possui enormes quantidades de vitamina C, potássio, manganês e fibras.

Baixar o ácido úrico, envolve mudanças de estilo de vida que devem ocorrer antes de optar por produtos farmacêuticos ou outros métodos. Por isso, opte por uma alimentação de verdade.

 

Evite o excesso de álcool, o açúcar, glúten, as carnes embutidas, faça exercícios físicos – e se você adicionar uma dieta mais elevada em frutas e legumes; você verá os níveis de ácido úrico do organismo baixarem de maneira gradativa.

Como você viu, uma alimentação adequada ajuda a transformar a sua saúde.

Visite o médico com regularidade.

E se você quer mesmo transformar a sua saúde de forma efetiva, eu tenho uma surpresa para você!!

Eu trago a revolução da saúde, um projeto que pretende mudar a cara da alimentação e da saúde no Brasil!

Eu desenvolvi um e-book para ajudar você a fazer essa transformação; com todas as informações que você precisa e um guia passo a passo para implementar.

Tenha acesso aos Bônus Exclusivos!!

Quer saber como conseguir? Então clique na imagem abaixo e adquira agora o meu livro digital:

VIVA MELHOR SEM GLÚTEN V 2.0

Ebook Viva Sem Glúten, Dr. Juliano Pimentel

Abraços e fique com Deus!
Dr. Juliano Pimentel

 

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:
Tags : ácido úricoácido úrico altoagriãoáguaalcachofraalhoalimentos de alta purinaalimentos diuréticosantibióticoaspargosberinjelaCerejasDesintoxica o organismodesintoxicantediurético naturaldoenças cardiovascularesdr. juliano pimentele-bookequilibrar os radicais livresespinafreferrofortalecer o sistema imunológiconíveis elevados de ácido úricopepinopimentãopotássiorinssalsãoSalsão e salsinhavitamina avitamina B

Autor Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta