close
ArtigosMetabolismo

Dança: 10 Benefícios para o Corpo e a Mente

A dança já mudou a vida de muitas pessoas, e também é uma ótima forma de manter o peso e aumentar a disposição. Traz muitos benefícios para o corpo e a mente.

Estudos mostram que a dança pode beneficiar de muitas formas, tanto na saúde quanto na vida social.

Nesse artigo explicarei os benefícios da dança para a saúde, e para o bom funcionamento do seu organismo. Aproveite cada um deles.

Não deixe de ler e compartilhar!

Dança e a Saúde

Benefícios da Dança para o Corpo e a Mente
Dança e os Benefícios para o Corpo e a Mente. Imagem: (Divulgação)

Dançar pode ser uma maneira de se manter ativo e com saúde e beneficia pessoas de todas as idades.

Possui uma ampla gama de benefícios físicos e mentais, incluindo:

– Melhores habilidades sociais.

Confira a seguir explicações sobre os principais benefícios da dança que te fará dançar rapidamente:

1-Melhora a Memória

A dança não só infunde graça, mas também ajuda você a envelhecer com saúde.

De acordo com um estudo no The New England Journal of Medicine, ela pode aumentar a sua memória e impedir que você desenvolva demência à medida que envelhece.

A ciência revela que o exercício aeróbio pode reverter a perda de volume no hipocampo, a parte do cérebro que controla a memória.

O hipocampo encolhe naturalmente durante a velhice, o que muitas vezes pode prejudicar a memória e levar à demência (1).

2-Impulsiona a Saúde Física

Dançar regularmente pode melhorar sua atividade física geral, mesmo quando você não está na pista de dança.

-Melhora o tônus e a força muscular.

-Resistência e aptidão motora

– Ossos mais fortes e risco reduzido de osteoporose

– Melhor coordenação, agilidade e flexibilidade

Um estudo seguiu 54 adultos de língua espanhola de 65 a 74 anos por quatro meses.

O grupo tomou aulas de dança duas vezes por semana em vários lugares, incluindo parques e centros para idosos. O aumento da atividade física significa ganhos enormes para sua saúde.

Os benefícios do exercício variam de reduzir o risco de doença, como diabetes tipo 2 e doença cardíaca, dormir melhor e estar mais energizado.

3-Mais Equilíbrio

Um estudo fora da Universidade McGill, no Canadá, descobriu que dançar ajuda a melhorar a capacidade intelectual, o equilíbrio e a consciência espacial de quem a pratica.

O estudo também foi realizado com idosos que sofreram uma queda no último ano, e que tinham medo de cair novamente; o resultado incluíram melhorias na saúde.

Os idosos melhoram o equilíbrio, coordenação motora e a postura.

Eles também foram capazes de processar tarefas mentais complexas enquanto faziam outras coisas, como andar ou ficar de pé (2).

Dançar requer ritmo e boa postura, então a dança frequente ajuda a manter a estabilidade motora, e a obter um melhor controle do seu corpo.

4-Melhora a Doença de Parkinson

Dançar também ajuda os pacientes que sofrem da doença de Parkinson, a melhorar as habilidades motoras. (3).

Ao longo de dois anos de estudo, os indivíduos que fizeram uma aula de dança duas vezes por semana durante uma hora ao longo de dois anos, melhoraram em vários aspectos.

Como na gravidade dos sintomas motores e não-motores, desempenho em atividades diárias e o equilíbrio.

5-Melhora a Flexibilidade

Essas camadas e arabescos que as dançarinas de balé praticam não são apenas uma questão de estética.

Eles também aumentam a flexibilidade e reduzem a rigidez.

Aumentar a flexibilidade ajudará a aliviar a dor nas articulações e dor pós-exercício.

6-Reduz o Estresse

Se você sofre com tensão emocional ou estresse, dançar pode ajudar muito a relaxar e a sentir mais felicidade.

Em um estudo controlado no Journal of Applied Gerontology, os pesquisadores descobriram que dançar pode ajudar a trazer alívio para o estresse.

Dançar duas vezes na semana também pode reduzir significativamente os níveis de cortisol.

7-Diminui a Depressão

Ela aumenta a qualidade de vida e ainda cuida da saúde psicológica, melhora a autoconfiança e a autoestima de quem a pratica.

Ela levanta o seu espírito, de acordo com um estudo que testou os efeitos da dança em pessoas com depressão.

Os pacientes que participaram de uma dança de grupo otimista mostraram os menores sintomas de depressão e a maior vitalidade.

Esse benefício é valido para qualquer tipo de dança, seja em grupos, sozinho ou com um par.

Convide suas amigas e amigos para dançar.

8-Saúde do Coração e Pulmão

É uma ótima atividade para aqueles em risco de doenças cardiovasculares.

As pessoas com insuficiência cardíaca que adotaram um estilo de dança melhoraram a saúde, a respiração e a qualidade de vida do coração significativamente, de acordo com um estudo italiano.

9-Ajuda a Perder Peso

A dança auxilia no controle de peso. Entediado com sua bicicleta?

Um estudo do Journal of Physiological Anthropology, descobriu que um programa de exercícios de treinamento de dança aeróbica, é tão útil para perder peso e aumentar o poder aeróbio como fazer ciclismo e correr.

10-Aumenta a Energia

Uma pesquisa americana descobriu que um programa de dança semanal poderia melhorar o desempenho físico, e aumentar os níveis de energia entre os adultos.

Além de todos os benefícios citados acima, uma aula de dança é o cenário perfeito para fazer novos amigos e se ramificar socialmente.

Manter relacionamentos positivos pode simplesmente ajuda-los a conseguir uma alimentação de verdade e realizar exercício saudáveis.

Ser socialmente envolvido leva ao aumento da felicidade, redução do estresse e um sistema imunológico mais forte.

Por isso, movimente-se e dance muito.

Pode ser em um grupo, com um parceiro ou por conta própria.

Há muitos lugares diferentes onde você pode apreciar a dança, por exemplo, nas escolas de dança, locais sociais, salas comunitárias e em sua própria casa.

Dançar tornou-se uma forma tão popular de ser ativo e manter a forma, que a maioria das academias agora oferecem aulas de dança em seus programas de exercícios em grupo.

Alie isso a uma alimentação saudável e natural, para manter a boa saúde tanto física quanto emocional.

Não deixe de consultar um médico e ingerir hidratar-se.

Outra dica importante para melhorar o seu rendimento na dança e aproveitar os benefícios, é evitar comer alimentos industrializados e processados, que prejudicam a saúde e causam diversas doenças.

Eu desenvolvi um e-book para ajudar você a fazer essa transformação, com todas as informações que você precisa e um guia passo a passo para implementar na sua vida.

Tenha Acesso Aos Bônus Exclusivos!!

Quer saber como conseguir? Então clique na imagem abaixo e adquira agora o meu livro digital:

VIVA MELHOR SEM GLÚTEN V 2.0

Ebook Viva Sem Glúten, Dr. Juliano Pimentel

Abraços e fique com Deus!

Dr. Juliano Pimentel

O Que Achou do Artigo? Deixe Sua Opinião Abaixo:

Você pode Gostar

Tags : aumentar a disposiçãobenefícioscapacidade intelectualconsciência espacialcorpodançadançasdoença de Parkinson.doenças cardiovascularesdr. juliano pimentelestilos de dançasexercício aeróbioflexibilidadeforça muscularmanter o pesoMelhora a MemóriaorganismopesoReduz o Estresse

The author Dr. Juliano Pimentel

Olá, eu sou o doutor Juliano Pimentel. Médico, fisioterapeuta e coach que ajuda as pessoas com conteúdos sobre saúde, alimentação e emagrecimento. Também sou celíaco e tenho uma vida de pesquisa sobre o Glúten.

Enviar Resposta